Esportes

Rivais se reencontram após final da Euro

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 26 de junho (Folhapress) - A decisão do segundo finalista da Copa das Confederações vai reunir as melhores seleções da última Eurocopa. Espanha e Itália se enfrentam amanhã, às 16h, na Arena Castelão, em Fortaleza. Na decisão do torneio continental, os campeões da Copa-2010 humilharam a seleção tetracampeã mundial. Após 1 a 1 na fase de grupos, Espanha e Itália voltaram a se encontrar na final europeia. E a vitória espanhola foi incontestável: 4 a 0, com gols de David Villa, Jordi Alba, Fernando Torres e Juan Mata Na Copa das Confederações, a Espanha confirmou o favoritismo com três vitórias em três jogos na fase de grupos. Já a Itália foi derrotada por 4 a 2 pelo Brasil e terminou como vice-líder da chave. A fragilidade da defesa italiana é um problema para o técnico Cesare Prandelli -o time sofreu oito gols em três jogos. Ante o poderio do ataque espanhol, o ponto fraco pode ser mortal para a Azzurra. "Precisamos sofrer menos gols. Nossos erros defensivos não condizem com uma equipe de nosso nível e com nosso talento", afirmou o veterano goleiro Buffon, capitão da Itália. Além disso, Prandelli tem um time bastante desgastado pela última temporada europeia e repleto de desfalques. Balotelli e Abate, lesionados, não jogam mais o torneio no Brasil. Já Montolivo e Pirlo ainda são dúvidas. Ao contrário do rival, a Espanha está embalada pelo ótimo desempenho na Copa das Confederações e por uma invencibilidade em jogos oficiais que já dura 28 jogos -novo recorde quebrado pelos atuais campeões mundiais e bicampeões europeus. "A semifinal será a oportunidade de revanche para a Itália. Vamos enfrentar uma equipe complicada, mas queremos seguir adiante e nos classificar para a final", afirmou Vicente del Bosque, técnico da Espanha. ESPANHA Casillas; Arbeloa, Piqué, Sergio Ramos e Jordi Alba; Busquets, Xavi e Iniesta; Pedro, Soldado e Fàbregas. Técnico: Vicente del Bosque ITÁLIA Buffon; Bonucci, Barzagli e Chiellini; Maggio, De Rossi, Pirlo e Marchisio; Candreva e Giaccherini; Gilardino. Técnico: Cesare Prandelli Estádio: Castelão, em Fortaleza (CE) Horário: 16h Árbitro: Howard Webb (ING) NA TV 16h Band, Globo e SporTV  

continua após publicidade