Esportes

Palmeiras sofre, empata com o Atlético-PR e se classifica

Da Redação ·
 O Verdão empatou aos 43 minutos da etapa final: sufoco
fonte: Agências
O Verdão empatou aos 43 minutos da etapa final: sufoco

Em jogo de muitas emoções na noite desta quarta-feira (21), o Palmeiras empatou com o Atlético-PR em 1 a 1. O jogo foi dispustado no Estádio Arena da Baixada, em Curitiba.

continua após publicidade

 O goleiro Marcos, do Verdão, fez uma excelente partida e ajudou a garatir o empate.

continua após publicidade

O placar só foi aberto na segunda etapa e foi o Atlético-PR que marcou primeiro, aos 34 minutos, com Alan Bahia cobrando penalidade máxima.

O Verdão empatou aos 43 minutos da etapa final.  Após bola cruzada rasteira, Lincoln apareceu e apenas tocou a bola para o fundo das redes para igualar o marcador.
 

continua após publicidade

Com o resultado, o Palmeiras se classificou para a próxima fase da Copa do Brasil.

continua após publicidade

RACISMO - Após a confusão no jogo de ida --quando o zagueiro Manoel acusou de racismo o palmeirense Danilo--, Atlético-PR e Palmeiras empataram por 1 a 1 na Arena da Baixada, em Curitiba, nesta quarta-feira, na partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Como venceu o primeiro duelo por 1 a 0, no Parque Antarctica, o Palmeras avançou no torneio.

continua após publicidade

Na próxima fase, o Palmeiras vai enfrentar o vencedor do confronto entre Santa Cruz e Atlético-GO --a segunda partida será nesta quinta-feira.

O jogo foi cercado por um clima tenso. Indignados pela ofensa contra Manoel, alguns torcedores do Atlético-PR pintaram o rosto de preto para protestar contra a atitude de Danilo.

O zagueiro também foi bastante hostilizado ao entrar em campo. Na hora do cumprimento entre os atletas, Manoel não apertou a mão de Danilo.

A confusão entre Danilo e Manoel aconteceu durante o primeiro tempo da partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Na oportunidade, os dois jogadores se estranharam e, após receber uma cabeçada de Manoel, Danilo chamou o jogador do clube paranaense de "macaco" e cuspiu em seu rosto, como mostram as imagens das emissoras de televisão.

Logo após a partida, Manoel prestou queixa contra o jogador palmeirense. No dia seguinte, Danilo compareceu ao 23º Distrito Policial, em Perdizes, para prestar depoimento e confirmou que realmente xingou Manoel. Ele também deu uma entrevista coletiva pedindo desculpas e dizendo que estava arrependido.