Esportes

Em gramado ruim, times ficam no empate

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 29 de maio (Folhapress) - A segunda rodada do Campeonato Brasileiro teve um jogo disputado em um campo repleto de falhas no gramado, com a pequena área cheia de areia, e que foi utilizado na véspera por Paraná e São Caetano, pela Série B do Nacional. Atlético-PR e Cruzeiro ficaram no empate por 2 a 2 hoje, em um jogo à tarde porque o estádio Érton Coelho Queiróz, conhecido como Vila Olímpica do Boqueirão, em Curitiba, não tem iluminação artificial. O campo, que pertence ao Paraná, tem capacidade para 8.000 torcedores. Com a Arena da Baixada em obras para a Copa-2014, a partida seria na Vila Capanema, mas o estádio também passa por reformas no gramado. Antes mesmo da partida, o técnico cruzeirense Marcelo Oliveira havia dito que a mudança para a Vila Olímpica era uma "afronta ao futebol". O Atlético-PR encontrou espaços para atacar no início e abriu o placar aos 6min, com Pedro Botelho. O Cruzeiro sentiu a falta de criatividade do seu meio de campo. Diego Souza apareceu pouco. A equipe da casa apostou em jogadas pela direita e chegou ao segundo gol aos 28min, quando Manoel aproveitou um cruzamento na área e cabeceou para as redes. O Cruzeiro conseguiu diminuir o placar no fim do primeiro tempo. O zagueiro Dedé deixou a sua marca após uma bola levantada na área. O empate dos mineiros veio logo aos 12 segundos do segundo tempo, com o ex-palmeirense Luan, que entrara no lugar de Dagoberto. Mas o Cruzeiro parou por aí. A equipe tentou explorar os contra-ataques, mas não conseguiu a virada. ATLÉTICO-PR Weverton; Léo (Derley), Manoel, Cleberson e Pedro Botelho; Deivid, João Paulo, Felipe e Everton (Douglas Coutinho); Éderson (Marcelo) e Carlão. Técnico: Ricardo Drubscky CRUZEIRO Fábio; Ceará, Bruno Rodrigo, Dedé e Egídio; Leandro Guerreiro, Nilton, Everton Ribeiro (Ricardo Goulart) e Diego Souza; Dagoberto (Luan) e Borges (Anselmo Ramon). Técnico: Marcelo Oliveira Estádio: Érton Queiroz, em Curitiba Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO) Gols: Pedro Botelho, aos 6min, Manoel, aos 28min, e Dedé, aos 43min do 1º tempo; Luan, a 1min do 2º tempo Cartões amarelos: Nilton e Luan (C)  

continua após publicidade