Esportes

Time carioca inicia busca por vaga na semi

Da Redação ·





SÃO PAULO, SP, 21 de maio (Folhapress) - O clima no Fluminense é de decisão para o primeiro jogo das quartas de final da Libertadores. O desafio da vez é vencer o Olimpia amanhã, às 22h, em São Januário, e garantir a vantagem para o duelo de volta na semana que vem, no Defensores del Chaco, na capital paraguaia.

Em busca da inédita conquista continental, a direção tricolor antecipou até mesmo o período de concentração do elenco para o duelo. Ontem, os comandados de Abel Braga saíram direto do treino para o hotel.

O time carioca pretende usar o duelo no Rio para tentar definir o confronto a seu favor. O objetivo do Fluminense é obter uma vitória sem sofrer gols diante de sua torcida e ir para a partida em Assunção com a vantagem do empate ou até mesmo de derrota com gols marcados na casa do rival.

"Ali dentro de campo temos que encurtar ao máximo. Chegar na marcação o mais perto possível para que eles não tenham como chutar ao gol. Vamos estudar agora no hotel e concentrar para sair com a vitória, que é o mais importante", afirmou o lateral Bruno.

No ataque, a responsabilidade de criar as chances de gol será do trio formado por Rhayner -que entra na vaga do lesionado Thiago Neves-, Fred e Wellington Nem. Este último afirmou que já recuperou a forma física após uma lesão que o deixou afastado do time por quase um mês.

"Estava há um tempo sem jogar e agora, com esse tempo de treinos, estou melhor. Acho que a torcida que vai me apoiar e me ajudar a voltar a grande fase. Só tenho um gol na Libertadores e vou dar meu máximo para fazer mais um ou dois. O importante é sair com a vitória, mas estou com sede de gols", afirmou o jovem atacante.

Além de Thiago Neves, o time carioca também não poderá contar com Wellington Silva, machucado, além de Deco e Samuel, ambos suspensos preventivamente em meio a casos de doping.

A favor do Olimpia, pesa a tradição da equipe em Libertadores -o time paraguaio já venceu a competição continental em três oportunidades. Além disso, a campanha dos paraguaios na atual edição do torneio é melhor que a do Fluminense, o que garantiu a vantagem de decidir a vaga nas semifinais em Assunção.



FLUMINENSE

Diego Cavalieri; Bruno, Digão, Leandro Euzébio e Carlinhos; Edinho, Jean e Wagner; Wellington Nem, Rhayner e Fred. Técnico: Abel Braga



OLIMPIA

Silva; Miranda, Manzur e Candia; Giménez, Aranda, Ortíz, Báez e Ariosa; Salgueiro e Bareiro. Técnico: Ever Almeida



Estádio: São Januário, no Rio

Horário: 22h

Árbitro: Roberto Silveira (Uruguai)
 

continua após publicidade