Esportes

Murray desiste e perde de espanhol na estreia em Roma

Da Redação ·
Andy Murray foi eliminado já em sua estreia no Masters 1.000 de Roma, nesta quarta-feira, ao ser derrotado pelo espanhol Marcel Granollers. O tenista espanhol acabou vencendo o terceiro cabeça de chave da competição realizada em quadras de saibro na Itália depois de contar com a desistência do rival logo após o término do segundo set, vencido curiosamente pelo britânico no tie-break. Antes disso, Granollers ganhou a primeira parcial por 6/3 e vinha encaminhando com facilidade o triunfo no segundo set, antes de Murray reagir e levar a disputa ao tie-break e vencê-lo por 7/5. O tenista escocês, porém, vinha sofrendo com problemas físicos e aparentes dores no quadril que o fizeram solicitar atendimento médico na segunda parcial. E, com a sua mobilidade em quadra prejudicada, acabou desistindo de jogar o terceiro set. Na semana passada, Murray foi até as quartas de final do Masters de Madri, onde acabou eliminado pelo checo Tomas Berdych. Com o novo revés sofrido pelo atual vice-líder do ranking mundial, Granollers, o 37.º da ATP, avançou às oitavas de final e se credenciou para enfrentar o vencedor da partida entre o japonês Kei Nishikori e o francês Jeremy Chardy, também programado para ser encerrada nesta quarta. Na partida desta quarta, Granollers aproveitou uma de duas chances de quebrar o saque de Murray no primeiro set e salvou o único break point cedido ao rival para fechar o primeiro set em 6/3. Já na segunda parcial, o espanhol chegou a liderar o placar em 4/1, mas permitiu a reação do britânico. E, após quatro quebras de serviço obtidas por cada tenista, a disputa foi ao tie-break, no qual a vitória de Murray acabou sendo inútil. TSONGA TAMBÉM CAI - Se Murray foi surpreendido, o francês Jo-Wilfried Tsonga, oitavo cabeça de chave, também decepcionou ao cair nesta quarta em sua estreia diante do polonês Jerzy Janowicz. Ele foi derrotado por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/6 (7/5). Desta forma, o tenista da Polônia foi às oitavas de final e irá encarar o francês Richard Gasquet, que na última terça bateu o búlgaro Grigor Dimitrov por duplo 6/4. Já o sérvio Novak Djokovic, líder do ranking mundial, soube nesta quarta-feira qual será o seu adversário nas oitavas de final. Trata-se do ucraniano Alexandr Dolgopolov, que nem precisou entrar em quadra para avançar em Roma neste dia de confrontos. Ele contou com a desistência do suíço Stanislas Wawrinka, décimo colocado da ATP, que alegou uma lesão na perna direita para deixar a competição. O suíço Roger Federer, segundo cabeça de chave em Roma, também conheceu nesta quarta o seu rival nas oitavas. Será o francês Gilles Simon, que superou o russo Mikhail Youzhny com parciais de 7/5 e 6/3. Outro francês garantido nas oitavas de final é Benoit Paire, que nesta quarta derrotou o seu compatriota Julien Benneteau por 2 sets a 1, de virada, com 6/7 (3/7) 6/4 e 7/6 (7/4). Assim, ele se credenciou para encarar o argentino Juan Martín del Potro, sétimo cabeça de chave, na próxima fase.
continua após publicidade