Esportes

Festa do PSG termina com brigas entre torcida e polícia

Da Redação ·
O que era para ser um momento de celebração terminou em confusão nas ruas de Paris nesta segunda-feira. Um dia após a conquista do Campeonato Francês pelo Paris Saint-Germain, a primeira desde 1994, os torcedores foram à Praça Trocadéro recepcionar os jogadores, mas parte deles acabou com a festa ao entrar em conflito com a polícia. No fim, dezenas de pessoas foram encaminhadas a hospitais da região com ferimentos leves. Sem comemorar um título francês há 19 anos, os torcedores parisienses compareceram em peso à festa para ver os jogadores receberem o troféu. No entanto, a celebração foi rapidamente interrompida pelos policiais, o que gerou revolta em boa parte da torcida, que iniciou o conflito. Pedras e garrafas foram arremessadas nos policiais, que responderam com bombas de gás lacrimogêneo, e encontraram muita dificuldade para combater a violência dos torcedores. Duas horas depois do encerramento da festa, ainda era possível ver alguns focos de brigas entre polícia e torcida. "Havia alguns fogos de artifício, chamas e um pouco de gás lacrimogêneo voando por lá", relatou o defensor do PSG Zoumana Camara. "Mas acho que dá para entender um pouco porque os torcedores esperaram por muito tempo", completou. A torcida do Paris Saint-Germain é conhecida como uma das mais violentas da França e os confrontos dela com torcedores de outros clubes e com a polícia são comuns. O time parisiense também havia escolhido a Praça Trocadéro como local para a apresentação de Ibrahimovic como reforço, no meio do ano passado, quando também houve confusão.
continua após publicidade