Esportes

Massa reclama de punição e exalta Ferrari após ser 3º

Da Redação ·
O brasileiro Felipe Massa conquistou neste domingo o seu melhor resultado na temporada 2013 da Fórmula 1 e celebrou o terceiro lugar no GP da Espanha, mas não conseguiu esconder a sua insatisfação com a punição recebida no treino de classificação de sábado. O piloto da Ferrari perdeu três posições no grid de largada por ter atrapalhado o australiano Mark Webber, da Red Bull, em um volta rápida e reclamou novamente da decisão dos comissários de pista. "Ainda estou decepcionado por causa do que aconteceu ontem. Eu não provoquei nenhum problema para ele. Então eu tentei ser agressivo, passando o pessoal", disse Massa, que largou apenas da nona colocação neste domingo, mas recuperou três posições logo na largada. Ele avaliou que poderia ter brigado com o finlandês Kimi Raikkonen, da Lotus, pelo segundo lugar se não tivesse sido punido no sábado. "Talvez houvesse a oportunidade de brigar com Kimi, mas no final das contas, foi uma ótima corrida, e fizemos um belo trabalho. Meu carro estava muito bom para esta pista, e a degradação dos pneus não foi como a da Lotus, mas nós fizemos o melhor possível e mostramos o desempenho que esperávamos ter desde a sexta-feira", afirmou. Massa também comemorou o bom desempenho da Ferrari, que venceu o GP da Espanha com Fernando Alonso, e espera que a luta por um a lugar no pódio se torne uma rotina na sequência do campeonato. "Eu acho que estamos indo em um incrível rumo. Espero que, de agora em diante, possamos lutar pelo pódio em todas as provas. Estamos trabalhando muito para melhorar o carro no treino de classificação, mas sabemos que temos um bom carro na corrida", comentou. Com o resultado do GP da Espanha, Massa subiu para a quinta colocação no Mundial de Pilotos, com 45 pontos. O GP de Mônaco, sexta etapa da temporada 2013 da Fórmula 1, será disputado no dia 26 de maio.
continua após publicidade