Esportes

Homem morre na fila por ingressos da Copa

Da Redação ·

Muito caos e pelo menos uma tragédia marcaram o dia na África do Sul. Na Cidade do Cabo, um aposentado morreu na fila às sete horas da manhã, pouco antes da abertura do novo centro de vendas local. A suspeita é de que ele tenha sofrido um ataque cardíaco.

continua após publicidade

O homem de 64 anos, que ainda não teve a identidade revelada, estava na metade final da fila de cerca de 800 pessoas. Ele conversava com outros torcedores quando teve um colapso súbito e caiu, batendo a cabeça no chão. Um médico que estava no local fez o primeiro atendimento e minutos depois chegaram carros da polícia e uma ambulância.

Apesar de todos os esforços das equipes de resgate, no entanto, o homem não resistiu e morreu ao lado da fila. Seu corpo foi coberto e apenas depois de meia hora retirado por uma ambulância.

continua após publicidade

Por todo o país, milhares de pessoas aguardam nas filas pela oportunidade de comprar os últimos ingressos para os jogos da Copa. Centenas de torcedores chegaram a passar a noite já nas filas em frente aos pontos de venda, que incluem 11 centros de ingressos nas nove cidades-sede e 600 agências de uma rede bancária.

Nem a chegada com antecedência, no entando, garantiu facilidade na hora da compra. Com problemas no sistema da Fifa, o processo chega a levar cerca de uma hora por pessoa, o que deve obrigar as agências bancárias, por exemplo, a estenderem seu horário de fechamento das 15h30 para as 18h.

“Houve uma enorme procura por ingressos essa manhã, o que nos deixou muito satisfeitos. Tivemos alguns atrasos na emissão dos bilhetes no início, mas estamos trabalhando para melhorar o tempo de resposta do sistema. Com isso, o processo está ficando mais rápido e estamos confiantes que continuará melhorando ao longo do dia”, disse Jaime Byrom, gerente da Match, a empresa contratada pela Fifa para comandar a venda de ingressos.

continua após publicidade

O principal motivo para a grande procura é que nesta última fase de vendas foram liberados ingressos que estavam pré-reservados para a Fifa e parceiros comerciais. Assim, partidas antes esgotadas, como os jogos de Brasil, Inglaterra e todos os da Cidade do Cabo, voltaram a ficar disponíveis.

Os sul-africanos também querem aproveitar a vantagem de serem os únicos a poderem comprar ingressos até as 18h locais (13h no horário de Brasília). Somente a partir desse horário as vendas estarão disponíveis para torcedores do mundo todo, por meio do site da Fifa. Até lá, as vendas acontecem somente nos pontos físicos.

No final da manhã, a entidade divulgou uma nota destacando a imensa procura pelos ingressos e informando os primeiros números das vendas. Até o momento, haviam sido vendidos 3776 ingressos para 780 torcedores.

Os números confirmam a lentidão com que o sistema vem operando, já que às 8h da manhã a média de pessoas na fila em cada agência bancária (no total, 600 estão vendendo as entradas) era de 100 pessoas, e nos centros de distribuição de ingressos, passava de 500.