Esportes

Olympique se desculpa após Barton atacar Thiago Silva

Da Redação ·
O Olympique de Marselha resolveu se pronunciar oficialmente nesta quinta-feira para pedir desculpas a Thiago Silva, assim como ao Paris Saint-Germain, clube do qual o zagueiro é o capitão, após o meia inglês Joey Barton ter qualificado o brasileiro como um "travesti com excesso de peso". Conhecido também por comentários de teor racista e depreciativo em relação a Neymar depois de ter enfrentado o atacante pela seleção inglesa, em amistoso realizado em fevereiro, Barton criticou o defensor por meio do Twitter na última terça-feira e depois seguiu atacando Thiago Silva no dia seguinte. E o conflito entre Barton e Thiago Silva começou justamente depois que o brasileiro, em entrevista ao jornal francês L'Equipe, comentou as críticas do inglês a Neymar e o tratou como um jogador sem nenhuma expressão. "Como ninguém fala dele, ele precisa criticar os grandes jogadores para sabermos que existe", disse o zagueiro, antes de pedir respeito ao futebol brasileiro, o qual chegou a questionar se Barton conhece. Indignado com as declarações do brasileiro, Barton atacou: "Duas perguntas para Thiago Silva. Primeiro, por que você está falando de mim na sua entrevista antes de PSG x Barça? Muito estranho. Segundo: você é operado ou não? Transexual". Ao falar sobre o conflito, o Olympique disse nesta quinta-feira que se desculpa pelos "comentários inadequados" e disse que "pediu a Joey Barton colocar fim ao ataque ao defensor brasileiro de PSG". O clube ainda garantiu: "O meio-campista do Olympique de Marselha se comprometeu a deixar de publicar qualquer comentário pejorativo sobre Thiago Silva". O Paris Saint-Germain, por sua vez, qualificou os comentários de Barton de "inaceitáveis" e disse que poderá promover medidas contra o jogador inglês.
continua após publicidade