Esportes

Pato comanda ataque do Corinthians contra o Millonarios

Da Redação ·

O Corinthians vai buscar uma vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores na base da velocidade e da movimentação de Alexandre Pato. Essa será a novidade da equipe que enfrentará o Millonarios, nesta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), no estádio El Campín, na cidade de Bogotá, na Colômbia. O atacante, que está de volta à seleção brasileira, vai jogar no lugar do peruano Guerrero, centroavante que sofreu lesão na coxa direita e nem sequer viajou. Trata-se da única mudança feita pelo técnico Tite no time que venceu o clássico contra o São Paulo.


Romarinho foi mantido na função de armador, já que Renato Augusto e Douglas estão machucados. A confirmação foi dada depois do único treino que a equipe fez em Bogotá, nesta terça, em um campo anexo do estádio El Campín, palco do jogo desta quarta.


Ao perder Guerrero, Tite ficou ao mesmo tempo sem um artilheiro e um jogador capaz de prender a bola na frente e abrir espaço para outros atacantes. Além disso, o time ficará mais fraco nas bolas áreas ofensivas. Por outro lado, com Alexandre Pato jogando como centroavante, a equipe ganhará mobilidade e ficará mais forte nos contra-ataques. Emerson, que vem aproveitando os desfalques do time, será seu parceiro no ataque.


Tite deu mais uma oportunidade a Romarinho no meio de campo para que o jogador tenha uma sequência de partidas. Ele se saiu bem no clássico contra o São Paulo e tem até mais chances de se firmar no meio do que no ataque, setor em que a concorrência com Alexandre Pato, Guerrero e Emerson, que vem dando sinais de recuperação, é muito dura.


Jorge Henrique, que estava cotado para ser escalado por Tite, ficará no banco de reservas. E Danilo vai atuar no setor em que rende melhor, o lado esquerdo do ataque, onde faz boa parceria com o lateral Fábio Santos. A ideia do técnico é acabar com o rodízio entre titulares e reservas uma vez que a Libertadores e o Campeonato Paulista estão em momento decisivo. O projeto de escalar sempre a força máxima começou a ser colocado em prática contra o São Paulo.


Se o Corinthians obtiver nesta quarta a vaga nas oitavas de final, igualará a marca do ano passado, quando conseguiu a classificação na quinta rodada da fase de grupos - o que ocorreu graças a uma vitória fora de casa (3 a 1) sobre o Nacional, do Paraguai.


A diferença em comparação com 2012 é que agora o Corinthians encontra dificuldades para ser o primeiro colocado de seu grupo. A equipe de Tite, que está com sete pontos, confirmará a classificação antecipada se vencer o Millonarios e o San Jose ao menos empatar com o Tijuana, líder do Grupo 5, com nove. Um empate na Colômbia só será suficiente se o San Jose perder na Bolívia.


Uma vantagem do Corinthians é que o outro jogo começará às 19h45 (de Brasília) - assim, o time começará a partida contra o Millonarios já sabendo o que terá de fazer para ficar com a vaga já nesta quarta. A equipe encerrará a sua participação na fase de grupos na próxima quarta, no Pacaembu, contra o San Jose, que até agora só marcou pontos atuando em casa, na altitude de Oruro.


O adversário desta quarta do Corinthians é o último colocado da chave, mas ainda sonha com a classificação. O Millonarios precisa vencer para continuar com chance de avançar às oitavas.

continua após publicidade