Esportes

Rogério Ceni faz mistério sobre jogo contra Strongest

Da Redação ·





Por Rafael Reis

SÃO PAULO, SP, 1 de abril (Folhapress) - O goleiro Rogério Ceni se recuperou bem da pancada sofrida no pé direito durante o clássico contra o Corinthians, no domingo, mas só saberá na quarta-feira se terá condições de enfrentar o Strongest, quinta, pela Libertadores-2013.

Segundo informações do médico José Sanchez, o local da pancada apresentou uma significativa melhora entre a tarde de domingo e esta segunda-feira e o arqueiro já não sente mais tantas dores.

No entanto, é prematuro definir se ele terá condições de atuar na próxima partida.

As dores no pé de Rogério são decorrentes do lance em que o goleiro cometeu pênalti em Alexandre Pato. O são-paulino chegou atrasado na bola e chutou o atacante corintiano.

Um exame realizado ainda na noite de ontem descartou uma contusão óssea no jogador.

A partida contra o Strongest é decisiva para as pretensões do São Paulo na Libertadores.

Uma derrota na Bolívia pode deixar a equipe em situação dramática na competição sul-americana.

Ganso

Titular em três das quatro últimas partidas do São Paulo, o meia Ganso creditou a sequência de jogos à melhora no seu poder de marcação.

"Eu encontrei a forma de ajudar na marcação dentro de campo, de ficar mais bem posicionado. Estou ajudando bem neste esquema", falou o camisa 8.

Contratado no segundo semestre do ano passado para ser o dono do meio-campo da equipe paulistana, o ex-jogador do Santos era reserva até duas semanas atrás.

Segundo o técnico Ney Franco, faltava ao meia mais dinâmica de jogo e participação sem bola no pé. Deficiências que o meia acredita que está caminhando para solucionar.

"Estou melhorando a cada partida. Espero melhorar sempre para ajudar na Libertadores e em todos os campeonatos."

Em boa fase, Ganso deve ser mantido por Ney na partida decisiva de quinta-feira, contra o Strongest, em La Paz, pela Libertadores-2013.
 

continua após publicidade