Esportes

Destaque do Londrina, Ricardo fecha por três anos com o Grêmio

Da Redação ·
Mais um destaque do futebol paranaense está indo embora. O Londrina deve anunciar ainda nesta terça-feira a venda do atacante Ricardo para o Grêmio. O jogador foi um dos poucos destaques do Tubarão neste Estadual e assinará com o time gaúcho por três anos. A transação vai render R$ 600 mil por 80% dos direitos federativos e econômicos do jogador, e será dividida igualmente entre Londrina e Nacional (ambos detinham 50%). Os dois times seguirão com 10% cada, esperando lucrar futuramente.

"Já está tudo certo entre Londrina e Grêmio há dois dias. Só falta o acerto entre os procuradores. O Ricardo já tem R$ 15 mil garantidos, e se for titular terá um salário de R$ 30 mil", contou o presidente do Tubarão, Peter Silva, à Gazeta do Povo. O agente do atacante, Luiz Carlos Pereira, e o próprio Ricardo devem viajar a Porto Alegre nos próximos dias para a assinatura do contrato.

continua após publicidade
ultima = 0; Saiba mais Agente esfria negociação de Ricardo com Coritiba e alfineta Londrina

O caso de Ricardo lembra o do atacante Adriano, destaque do Adap Galo Maringá há dois anos, e que depois de um bom Paranaense foi contratado pelo Internacional. Sem muitas chances no Colorado, o jogador defende hoje o Málaga-ESP. Peter Silva revela que o negócio com o Coritiba esteve muito próximo de ser concretizado, mas esbarrou na forma de pagamento.

"Fechamos o valor pelos 50% do Ricardo, mas o Coritiba não tinha todo o dinheiro naquele momento, eles queriam o jogador mas tinham dificuldades em levantar o valor. Pediram para esperar, porém apareceu esta oferta do Grêmio", comentou o mandatário do Tubarão. O valor vai ajudar o clube a colocar os meses de março e abril em dia, e dará receita para a preparação da equipe para a Série D do Brasileirão. A reapresentação do elenco acontece dia 22, mas dois dias antes acontece o anúncio da parceria entre Londrina e SM Sports, empresa de Sérgio Malucelli (presidente do Iraty).

continua após publicidade

"Vamos tocar este projeto com objetivos ambiciosos na Série D. A idéia é que eles fiquem em Londrina, criando raízes aqui. A parceria é daqui para frente, não vamos olhar para trás. As dívidas que temos é algo que nós vamos cuidar e encontraremos uma saída", finalizou.