Esportes

Obra do estádio do clube começa a receber cobertura

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 26 de março (Folhapress) - Com data de inauguração ainda indefinida, a Arena Palestra, estádio do Palmeiras, começa a receber nesta semana o restante da estrutura de sustentação da cobertura de quase 3.000 toneladas sobre a arquibancada. Segundo a WTorre, responsável pela obra, os canos de aço que interligarão as cinco torres do estádio devem ser instalados até junho. Após quase dois anos e meio de obra, a construção chegou em março a 63% de sua conclusão. Além da cobertura, os cerca de 500 funcionários que trabalham na arena dedicam atenção especial à construção da arquibancada sobre o setor antigo que não pôde ser demolido, atrás do gol contrário às piscinas do clube. Como o alvará obtido em 2002 pelo Palmeiras era para reforma e não construção, a Prefeitura de São Paulo exigiu que o clube mantivesse 20% do antigo estádio. A medida atrasou o cronograma da obra, já que a WTorre teve de refazer a fundação e construir a nova arquibancada de forma artesanal sobre a antiga. A construtora informa que a previsão de inauguração do novo estádio palmeirense é até o fim deste ano. Mas o presidente do clube, Paulo Nobre, disse que existe a possibilidade de a nova arena ser concluída apenas em 2014, ano do centenário alviverde. A reportagem visitou a obra da Arena Palestra e registrou detalhes do futuro estádio palmeirense, que não deixará de ser um "jardim suspenso", como chamavam os torcedores. Na parte em que ficava o fosso entre a arquibancada e o campo será um túnel que funcionaria como um corredor de serviço para os eventos da arena -jogos e shows. Embaixo do gramado, onde haviam os vestiários e lanchonetes serão o vestiário do time visitante e uma área de apoio para shows. O vestiário do Palmeiras ficará embaixo do edifício de mídia, anexo ao estádio, onde terá o anfiteatro e a área reservada à imprensa. O estacionamento que está sendo construído anexo à arena com capacidade para cerca de 2.000 veículos funcionará de forma independente do estádio, atendendo a demanda da região ao redor da arena, com um restaurante na parte superior que terá vista para o campo. Além de todos os detalhes nos padrões exigidos pela Fifa, a WTorre vai instalar 64 câmeras na arena cujo sistema será integrado diretamente ao comando da Polícia Militar e permitirá o reconhecimento facial dos presentes. Segundo a WTorre, o custo total da Arena Palestra -orçado inicialmente em R$ 300 milhões- será de aproximadamente R$ 500 milhões.  

continua após publicidade