Esportes

Time alvinegro vence em Campinas

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 24 de março (Folhapress) - Com um gol do atacante peruano Guerrero no início do primeiro tempo, o Corinthians superou o Guarani por 1 a 0, no estádio Brinco de Ouro de Princesa, em Campinas, pela 14ª rodada do Paulista. Sem Pato, poupado, e o suspenso Fábio Santos, o técnico corintiano Tite teve quase força máxima para enfrentar o Guarani em Campinas. Assim, o atacante Emerson ganhou outra oportunidade no time titular. Igor ocupa a vaga aberta na lateral esquerda. O goleiro Cássio e o zagueiro Paulo André, recuperados de lesão, reforçaram a equipe alvinegra. Já no Guarani, a única baixa era o goleiro Renan. O atleta pertence ao Corinthians e o clube campineiro não quis pagar a multa para escalá-lo neste domingo. As duas equipes entraram com esquemas semelhantes, o 4-4-2, mas com uma diferença técnica abissal. A vantagem corintiana se refletiu nas chances criadas. Logo no primeiro minuto, Paulo André cabeceou com perigo e assustou o goleiro Léo. Seis minutos depois, Emerson deu um passe de costas para a meta e serviu Guerrero na área. O peruano ganhou no corpo de Ademir Sopa e bateu na saída de Léo. Depois de mexer no marcador, o Corinthians controlou a partida como quis e teve oportunidades para ampliar o placar. Porém, falhava nas conclusões. Tite só não contava com duas lesões ainda na etapa inicial. Aos 22min, Cássio pediu para ser substituído após sentir dores. Danilo Fernandes entrou na sua vaga. Doze minutos depois, Renato Augusto arrancou pelo meio de campo e sentiu uma fisgada na parte posterior da coxa direita. Jorge Henrique foi acionado para atuar no duelo. O Guarani melhor nos últimos minutos do primeiro tempo. Fernando Gaúcho, em duas bobeadas corintianas, quase igualou o placar. A zaga conseguiu se recuperar a tempo de evitar o empate. Na segunda etapa, os mandantes tiveram a primeira chance de gol. Fernando Gaúcho fez o pivô para o meia Coutinho. O atleta bateu de primeira e assustou Danilo Fernandes. O jogo ficou cadenciado e não era interessante para o Guarani esta situação. O treinador Branco, então, colocou sua equipe para frente. Tirou Coutinho para a entrada de Cadu. Já aos 30min, o zagueiro Cássio também teve que deixar o confronto por uma contusão. O veterano Thiago Matias o substituiu. Em vantagem, o Corinthians passou a administrar o resultado. Tanto que Tite queimou sua última alteração. Trocou Danilo por Edenílson. Assim, a equipe voltou a vencer no Estadual. Com o resultado, o Corinthians chegou aos 25 pontos e assumiu a quinta colocação do torneio. O Guarani, com nove, luta desesperadamente contra o descenso. Na próxima rodada, o time paulistano recebe o Penapolense, enquanto a equipe de Campinas visita o Oeste. GUARANI Léo; Boiadeiro, Thiago Pagnussat, Cássio (Thiago Matias) e Diogo; Ademir Sopa (Cadu), Coutinho, Marquinhos e Thiago Gentil; Ronaldo Mendes e Fernando Gaúcho. Técnico: Branco CORINTHIANS Cássio (Danilo Fernandes); Alessandro, Paulo André, Gil e Fábio Santos; Ralf, Guilherme, Danilo (Edenílson) e Renato Augusto (Jorge Henrique); Emerson e Guerrero. Técnico: Tite Estádio: Brinco de Ouro, em Campinas Árbitro: Welton Orlando Wohnrath Gol: Guerrero, aos 7min do 1º tempo Cartões amarelos: Ademir Sopa, Marquinhos (G) e Danilo (C) Renda: R$ 212.366,00 Público: 6.379 pagantes  

continua após publicidade