Esportes

Corinthians vai recorrer de punição na próxima semana

Da Redação ·
Corinthians vai recorrer de punição na próxima semana
fonte: Agências
Corinthians vai recorrer de punição na próxima semana

A Conmebol aliviou a pena aplicada ao Corinthians, por causa da morte do torcedor boliviano Kevin Espada, ao liberar a presença da torcida nos jogos em que o time for mandante na Copa Libertadores, mas a diretoria ainda não está satisfeita. Assim, o clube vai apresentar na próxima semana um recurso para reverter o veto da presença de corintianos em jogos como visitante nos próximos 18 meses.


Nesta sexta-feira, Edu Gaspar, gerente de futebol do Corinthians, disse considerar a pena imposta pela Conmebol muito pesada, o que levará o departamento jurídico do clube a tentar mudá-la. "Essa pena é exagerada, não é certo ficarmos tanto tempo sem o apoio da nossa torcida nos jogos fora de casa. A nossa diretoria jurídica já está tomando as providências para que isso seja mudado", disse, no desembarque do Corinthians após a derrota para o Tijuana, no México.


Em 21 de fevereiro, dia seguinte à morte de Kevin Espada, atingido por um sinalizador durante partida entre o time paulista e o San José em Oruro, a entidade anunciou punição cautelar, obrigando o Corinthians a jogar com portões fechados nas partidas que disputasse em casa na competição e proibindo a presença dos seus torcedores nos jogos do time como visitante.


Na última quinta, porém, o Tribunal de Disciplina da Conmebol reduziu o veto aos torcedores somente para partidas fora de casa, nos próximos 18 meses, em competições organizadas pela entidade, além de ter aplicado uma multa de US$ 200 mil. O clube, porém, ainda vai tentar reverter essa pena.

continua após publicidade