Esportes

Grassi recebe permissão para aumentar tanque de combustível

Da Redação ·
 Glock e Di Grassi durante treino na Austrália: dupla, que já anda lá atrás, correrá sob o risco de pane seca até a sexta corrida do ano
fonte: Ahmed Jadallah/Reuters
Glock e Di Grassi durante treino na Austrália: dupla, que já anda lá atrás, correrá sob o risco de pane seca até a sexta corrida do ano

A FIA (Federação Internacional de Automobilismo) autorizou a Virgin, equipe do brasileiro Lucas di Grassi e do alemão Timo Glock, a aumentar o tamanho do tanque de combustível de seus carros.

continua após publicidade

Uma das novatas no grid da Fórmula 1, a Virgin descobriu que a capacidade de seu reservatório de gasolina não é suficiente para completar algumas corridas com margem de segurança confortável, já que neste ano o reabastecimento durante as provas está proibido.

continua após publicidade

Nick Wirth, diretor técnico da equipe, espera que a mudança seja realizada até o GP da Turquia, sétima prova da temporada, marcada para o dia 30 de maio.

continua após publicidade

Ficou claro nos testes da pré-temporada e na nossa corrida de estreia, no Bahrein, que a capacidade de nosso tanque de combustível é insuficiente. Se não resolvida, essa questão pode se tornar um problema em certas circunstâncias.


 

De acordo com o diretor técnico, o tanque foi projetado em junho de 2009 de acordo com alguns parâmetros que mudaram até o início da temporada. A situação pode complicar a vida de Di Grassi e Glock neste domingo, já que o GP da Austrália é um dos mais exigentes neste quesito, e os dois podem ter de reduzir ainda mais o ritmo para evitar a pane seca.

continua após publicidade

Nos treinos desta sexta-feira (26), Glock fez o 22º melhor tempo, e Di Grassi foi o 23º. Neste sábado (27), às 3h (de Brasília), será disputado o treino de classificação.