Esportes

Pelé: 'preocupação de Neymar é mudar o estilo do cabelo'

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Pelé: 'preocupação de Neymar é mudar o estilo do cabelo'
fonte: Ricardo Saibun/Santos FC
Pelé: 'preocupação de Neymar é mudar o estilo do cabelo'

Em entrevista ao jornal Estado de S. Paulo, o ex-jogador Pelé, que se recupera de uma cirurgia no quadril, comentou sobre as recentes atuações de Neymar na Seleção Brasileira. Para Pelé, o jovem craque santista ainda é um atleta sem experiência fora do Brasil e acaba sendo um jogador comum na Seleção. Pelé ainda diz que "sua preocupação é mudar o corte do cabelo".

"Ele é um jogador sem experiência internacional. Em todos os jogos fora do País ele não vai bem. Todos acham que ele tem de resolver os problemas da seleção. Neymar não está preparado para receber esse peso. Ele não joga no exterior, o futebol europeu é diferente do futebol latino. Nós do Santos falamos que ele é o melhor do mundo, claro. Mas ele já se preocupa mais em aparecer na mídia do que em jogar para o time. E sua preocupação é mudar o estilo, mudar o corte de cabelo. O Edinho, meu filho, que está na comissão do Santos, faz os treinos do time. Ele não dá falta nos treinos e o Neymar fica bravo. Ele está viciado nas faltas."

Pelé ainda revelou que chegou a cobrar o técnico do Santos, Muricy Ramalho, de atribuir a Neymar o papel de cobrar todas as bolas paradas do time santista.

"O Santos está perdendo com ele em campo. E chato eu falar isso, mas cobrei o Muricy. É uma coisa boba, mas a gente que é do futebol percebe. Todas as faltas, escanteios, pênaltis é com o Neymar. Cada falta que ele bate, fica fora do jogo 1 minuto. Ele tem de ficar na cabeça da área para pegar a bola, dar um drible, usar a habilidade. Ele cruza, corre lá depois e perde tempo. São detalhes que influenciam. Antes da cirurgia eu falei com o Muricy. Mas a responsabilidade do Muricy é grande. E é difícil bater de frente com o Neymar. O Neymar tem de largar mais a bola, jogar para o time".

O rei do futebol também sugeriu que o melhor destino para Neymar seria o Barcelona, mas não acha fundamental que o jogador deixe o futebol brasileiro, dando como exemplo outros craques que não precisaram deixar o País, como Tostão, Zico e o próprio Pelé.


As informações do site atarde.uol.com.br e Agência Estado

continua após publicidade