Esportes

Nadal sofre contra zebra, mas vai à final do Aberto do Brasil

Da Redação ·





SÃO PAULO, SP, 16 de fevereiro (Folhapress) - A previsão era de um jogo rápido, mas o espanhol Rafael Nadal disputar três sets para confirmar seu imenso favoritismo e se garantir na final do Brasil Open.

Quinto do mundo, Nadal derrotou o argentino Martin Alund (111º) por 6/3, 6/7 (2-7) e 6/1, hoje, no ginásio do Ibirapuera, em 1 hora e 57 minutos.

Ele enfrenta amanhã, às 13h, o argentino David Nalbandian, 93º do mundo.

"Hoje não joguei tão bem, vamos ver amanhã", afirmou o espanhol.

Nadal, que voltou ao circuito na semana passada depois de quase 8 meses parado devido a uma lesão no joelho, precisou confirmar uma das duas chances que teve no primeiro set para quebrar o saque de Alund e marcar 6/3.

Sem chances de quebras, a segunda parcial foi para o tie-break e Alund não deu chances ao heptacampeão de Roland Garros ao fazer 7/2.

No set decisivo, Nadal controlou o jogo e marcou 6/1.

Foi a 42ª semifinal de um torneio de primeira linha no saibro vencida pelo espanhol. Sua última derrota nessa fase foi no Torneio de Umag em 2003, quando caiu diante do ídolo Carlos Moyà.

Com a vitória, Nadal encerrou a "sorte" de Alund em São Paulo.

Um ano mais velho do que Nadal (27 e 26), o argentino nunca havia disputado um torneio da elite do circuito.

Ele entrou na chave principal do Brasil Open como lucky loser (perdedor sortudo).

Seu compatriota Leonardo Mayer desistiu por lesão. Tenista com o melhor ranking derrotado na última rodada do qualifying, Alund ficou com a vaga e avançou até ser parado por Nadal.
 

continua após publicidade