Esportes

Tite minimiza favoritismo em clássico

Da Redação ·

Por Rafael Valente SÃO PAULO, SP, 15 de fevereiro (Folhapress) - Tite refutou para assumir que o Corinthians é favorito no duelo contra o Palmeiras, domingo, no Pacaembu, mas depois admitiu a superioridade da equipe alvinegra. Porém, para ele, o favoritismo existe só no papel, pois em campo vai depender dos jogadores. "Se pegar o retrospecto, sim, o [favorito] é o Corinthians, mas isso não credencia dentro de campo. Eu já venci o esse clássico em situações diferentes. Ninguém foge da responsabilidade, mas na hora do jogo [o favoritismo] desaparece", disse o treinador hoje. Tite citou o clássico vencido pelo Corinthians após a eliminação precoce na Libertadores-2011 para o Tolima, da Colômbia. Na ocasião, o time alvinegro estava em crise e venceu por 1 a 0, com gol de Alessandro. "Se perdesse aquele clássico, talvez o título [do Mundial] não estivesse aqui", disse Tite. O treinador gaúcho minimizou também um possível clima de revanche por parte do Palmeiras. No ano passado, o rival perdeu os três clássicos e, no final do ano, Jorge Henrique provocou os palmeirenses durante a comemoração do título mundial. "São coisas superadas. Todas essas situações têm seu tempo. A gente não pode confundir. Não vou fomentar esse tipo de situação", disse Tite.  

continua após publicidade