Esportes

Técnico explica entrada de Cañete

Da Redação ·





Por Rafael Reis

SÃO PAULO, SP, 5 de fevereiro (Folhapress) - O técnico do São Paulo, Ney Franco, utilizou a estreia na fase de grupos da Libertadores, dia 13, contra o Atlético-MG, para justificar a entrada de Cañete na vaga de Ganso na partida ante a Ponte Preta, amanhã, pelo Paulista.

Segundo o treinador, o jogo no Morumbi servirá como prévia para o confronto ante os mineiros. E nele o argentino tem bem mais chance de começar jogando do que o ex-armador do Santos.

"Estamos em tempo de ajustes. Como o Cañete tem entrado bem, quero ver uma oportunidade [desde o início]", disse o técnico.

Com a troca no meio-campo, Ney quebra a promessa de que Ganso teria uma sequência de partidas como titular no Paulista para ganhar ritmo de jogo.

O treinador ainda revelou que a opção de usar o camisa 8 ao lado de Jadson ficou em segundo plano. A tendência é que só sobre espaço para um meia. E ele não é Ganso.

"Essa questão de reserva está muito clara. O que está se desenhando é que vai ter uma briga de posição entre Jadson e Ganso. Se não acontecer nada de anormal, o Jadson entra jogando contra o Atlético-MG."
 

continua após publicidade