Esportes

Com Santos desfalcado, Neto prevê jogo duro em Lins

Da Redação ·
Líder do Campeonato Paulista, o Santos voltará a jogar nesta quarta-feira, às 19h30, diante do Linense, sem poder contar com Neymar, Arouca e Montillo, que servem as suas respectivas seleções. Os três desfalques de peso fizeram o zagueiro Neto admitir que o time terá ainda mais dificuldades para superar o rival, que hoje ocupa a terceira posição do torneio estadual, apenas dois pontos atrás dos santistas, e terá a vantagem de atuar em casa. "Vai ser um jogo difícil. Dentro de casa é forte e está somando pontos dentro de casa. E temos três desfalques importantes e a gente tende a cair um pouco no ritmo. Mas vamos ver isso dentro de campo", afirmou Neto, que ao mesmo tempo lembrou que as ausências motivadas por convocações deverão ser uma rotina para o Santos neste primeiro semestre, no qual a seleção brasileira disputará uma série de jogos importantes. "Temos que conviver com isso. Tem Copa das Confederações e amistosos. Como o grupo é qualificado, é normal isso acontecer. Por isso, quem está de fora tem que fazer o melhor para aproveitar a chance que tiver", ressaltou. O fato de Edu Dracena estar prestes a retornar ao time, depois de longo tempo afastado por causa de uma cirurgia no joelho esquerdo, também não preocupa Neto, que já conseguiu se destacar pela equipe santista após ter sido contratado junto ao Guarani para esta temporada. "O Dracena é experiente. Já ganhou vários títulos aqui no Santos. Meu futuro a Deus pertence. Procuro trabalhar e fazer meu melhor todos os dias. Já disse isso quando dei entrevista. Muricy (Ramalho) está querendo montar um bom elenco e tenho que fazer minha parte. A gente sabe que ele é um líder aqui dentro, tem a liderança dele e temos que respeitá-lo. Se ele voltar e o professor optar por ele, tenho que trabalhar ainda mais", enfatizou.
continua após publicidade