Esportes

Barcos vê bola chegando pouco ao ataque no Palmeiras

Da Redação ·
O atacante Barcos reclamou da falta de criatividade da equipe do Palmeiras na partida contra o XV de Piracicaba, que terminou 3 a 3, na noite de domingo, no interior de São Paulo. Artilheiro do time na temporada, com três gols marcados, o argentino destacou a vontade demonstrada mostrada pelos atletas ao longo do jogo, mas lamenta o fato disso não ter se convertido em oportunidades de gol.

"As bolas não chegaram. Corremos, mas não conseguimos criar e nem tivemos muitas chances", reclamou o principal atacante palmeirense, que fez uma análise bem diferente do técnico Gilson Kleina.

"Temos de arrumar a defesa para não levar os gols que estamos tomando, porque o gol o time do Palmeiras sempre faz", analisou o treinador, que não viu falta de ousadia durante o empate em Piracicaba. "Foi um jogo de seis gols. O que falta é acertar", completou Gilson Kleina.

Embora não acredite que falte criar jogadas de ataque, Gilson Kleina já avisou que deve desistir do esquema tático 4-3-3 para voltar a escalar o time com a formação 4-4-2. Assim, mais jogadores estarão no meio-de-campo, diante do Atlético Sorocaba na quinta-feira, para auxiliar na marcação e criação das jogadas.

continua após publicidade