Esportes

Mali vence nos pênaltis e faz semifinal da Copa Africana

Da Redação ·
O Mali garantiu vaga na semifinal da Copa Africana de Nações, neste sábado, no Estádio Moses Mabhida, em Durban, ao eliminar a anfitriã África do Sul nas cobranças de pênaltis. As duas seleções empataram por 1 a 1 no tempo normal e depois ficaram no 0 a 0 na prorrogação, antes de a equipe malinesa ganhar por 3 a 1 na disputa por penalidades. Com o resultado, o Mali já no mínimo repetiu a sua campanha da edição anterior da competição, que foi disputada no ano passado, quando o país acabou eliminado pela Costa do Marfim na semifinal. E, neste domingo, os marfinenses enfrentarão a Nigéria nas quartas de final e terão a chance de assegurar a reedição daquele confronto caso triunfem diante dos nigerianos. Já a África do Sul fracassou na sua tentativa de repetir o feito obtido em 1996, quando também foi anfitrião da Copa Africana de Nações e se sagrou campeão, naquele que foi o seu único título do torneio na história. Terceira colocada da principal competição do seu continente em 2012, Mali já foi vice-campeã em 1972, quando caiu diante do Congo na única vez que disputou uma decisão da Copa Africana. No duelo deste sábado, a África do Sul abriu o placar aos 31 minutos do primeiro tempo, quando Rantie aproveitou uma finalização errada vinda da esquerda e apenas empurrou de carrinho para as redes, com o goleiro Mamadou Samassa já batido no lance. Aos 13 da etapa final, porém, Seidou Keita, principal estrela de Mali e ex-jogador do Barcelona, empatou a partida e forçou a prorrogação, que foi de poucas emoções e ficou no 0 a 0. E, nos pênaltis, Mamadou Samassa agarrou duas cobranças e foi decisivo para colocar o seu país nas semifinais, sendo que os jogadores malineses converteram as três penalidades que bateram. A Copa Africana de Nações, que define o último representante da Copa das Confederações de 2013, conhecerá seus dois outros semifinalistas neste domingo. Além da partida entre Costa do Marfim e Nigéria, o dia terá o duelo entre Burkina Faso e Togo, que definirá o rival de Gana em um dos jogos que valem vaga na decisão. Horas mais cedo, a seleção ganesa foi à semifinal neste sábado ao bater Cabo Verde por 2 a 0.
continua após publicidade