Esportes

Americano recupera título do UFC, e brasileiro indica querer revanche

Da Redação ·

Por Eduardo Ohata, Enviado especial LAS VEGAS, EUA, 30 de dezembro (Folhapress) - O americano de origem mexicana Cain Velasquez recuperou o cinturão dos pesados do UFC ao vencer na madrugada de hoje, por pontos, o brasileiro Junior Cigano, no hotel-cassino MGM, em Las Vegas. Tratou-se de uma revanche, na luta original, Cigano precisou de apenas 64 segundos para vencer o adversário. Logo após o anúncio da decisão dos jurados, Cigano, que terminou o combate com o rosto bastante machucado, indicou que gostaria de uma revanche: "Como você mesmo disse, vou voltar e tomar meu cinturão de novo". Antes de deixar o octógono em direção ao vestiário ao som da canção "Volver", que fala sobre o retorno de um mexicano ao país de origem, o de novo campeão Velasquez resumiu o combate. "Ele é um bom golpeador e terminou dessa forma nosso primeiro combate. Eu fui eficiente ao usar meus socos e técnica de solo para recuperar meu título", afirmou Velasquez, que venceu por 50 a 45, 50 a 44 e 50 a 43. O presidente do UFC, Dana White, informou que Junior Cigano não participaria da entrevista coletiva pois foi levado diretamente para o hospital. O brasileiro terminou a luta bastante machucado e com uma suspeita, posteriormente não confirmada, de fratura no queixo.  

continua após publicidade