Esportes

Almagro bate Tipsarevic e pegará Djokovic em Abu Dabi

Da Redação ·
O espanhol Nicolás Almagro venceu o sérvio Janko Tipsarevic por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 2/6, 7/6 (7/3) e 6/2, nesta sexta-feira, e garantiu vaga na final do torneio de exibição de Abu Dabi. Desta forma, ele se credenciou para encarar Novak Djokovic, líder do ranking mundial, que horas mais cedo arrasou o espanhol David Ferrer, por 6/0 e 6/3, na outra semifinal da competição realizada nos Emirados Árabes Unidos. E Almagro participará da decisão neste sábado depois de ter entrado no torneio como substituto do seu compatriota Rafael Nadal, que na última terça-feira anunciou a sua desistência da competição por causa de um problema estomacal. Por ter herdado o lugar do atual quarto colocado do ranking da ATP, o espanhol estreou direto na semifinal, enquanto Tipsarevic havia disputado a sua primeira partida na última quinta, quando desbancou o favoritismo do britânico Andy Murray. Derrotado por Almagro, o tenista sérvio jogará a decisão do terceiro lugar da competição diante de Ferrer, também neste sábado, quando farão novo confronto visando a preparação para a temporada de 2013. Embora seja de caráter de exibição, o torneio em Abu Dabi já serve como aquecimento para o Aberto da Austrália, primeiro Grand Slam do ano, que começa no próximo dia 14 de janeiro. Atual 11.º colocado do ranking mundial, Almagro terá pela frente neste sábado um rival que o derrotou nos três duelos travados entre eles no circuito profissional. No último deles, Djokovic bateu o espanhol por 6/3 e 6/4 no Masters 1.000 de Indian Wells deste ano. Antes disso, o tenista número 1 do mundo também ganhou em sets diretos no Aberto da Austrália de 2011, enquanto em 2008 o sérvio contou com a desistência do adversário no Masters Series de Roma quando vencia o segundo set por 1 a 0, após ter aplicado 6/1 na primeira parcial. Almagro chegou a bater Djokovic uma única vez, mas em 2004, no Torneio de Manerbio, na Itália, que não faz parte do circuito principal da ATP e não é considerado pela entidade que controla o tênis profissional mundial para efeito de retrospecto.
continua após publicidade