Esportes

Adriano e Vagner Love resolvem para o Flamengo

Da Redação ·
OFlamengo pressionou, mas não conseguia armar boas jogadas.
fonte:
OFlamengo pressionou, mas não conseguia armar boas jogadas.

Mesmo sem apresentar um bom futebol, o Flamengo venceu por 3 a 1 o Tigres, nesta quarta-feira (24), no Engenhão, pela Taça Rio, e praticamente se garantiu nas semifinais. Com dois gols de Adriano e um de Vagner Love, o Rubro-Negro chegou aos 16 pontos, ao lado do Fluminense no grupo A, mas ocupam a liderança pelos critérios de desempate. Já o time do Tigres, que abriu o placar com Gilcimar, segue com seis, em quinto no B.

continua após publicidade

Na próxima rodada, o Flamengo pode garantir a vaga nas finais do segundo com um empate contra o América-RJ, no domingo (28), também no Engenhão. Já o Tigres vai até Moça Bonita no sábado (27) para enfrentar o Bangu.

A partida começou em ritmo lento, com as duas equipes errando muito. Tanto que a primeira boa chance de gol aconteceu somente aos 17min, quando Petkovic cobrou escanteio e quase marcou um gol olímpico. Preocupado em se defender, o Tigres em nenhum momento conseguiu chegar perto do gol de Bruno.

continua após publicidade

Após a parada técnica, o Flamengo passou a pressionar mais, mas não conseguia armar boas jogadas. Muito recuado, o Tigres impedia os avanços rubro-negros, contudo, abdicava dos ataques. A retranca estava muito bem armada e fez com que o atacante Adriano começasse a buscar a bola antes do meio-campo.

De tanto avançar, o Flamengo acabou tomando o revés no primeiro bom ataque do Tigres, aos 34min. Edinho aproveitou que Juan estava no campo ofensivo e chegou ao fundo, pela direita, para cruzar. Bruno saiu atrasado e Gilcimar escorou para a rede. A bola entrou mansamente no gol rubro-negro.

O gol fez com que o Flamengo acordasse na partida e o empate quase aconteceu no minuto seguinte. Kléberson tentou chutar colocado, mas a bola foi para fora. A pequena torcida que estava no Engenhão começou a reclamar, mas parou para festejar aos 37min. Léo Moura cruzou pela direita e Adriano cabeceou para a rede do Tigres, igualando o marcador.

continua após publicidade

No entanto, o Flamengo levou um susto aos 40min, quando Gilcimar arriscou da entrada da área, contudo, Bruno defendeu com segurança. A resposta rubro-negra aconteceu dois minutos depois. Petkovic cruzou para Vagner Love, que finalizou em cima do goleiro Rodolpho. No rebote, Juan chutou para fora e desperdiçou a última chance da etapa inicial.

Logo com menos de um minuto do segundo tempo, o Tigres assustou os rubro-negros. Gilcimar arriscou de longe, a bola desviou em Fabrício, mas foi para fora. Bruno estava vendido no lance e só torceu. A resposta do Flamengo veio em grande estilo. Aos sete minutos, Vagner Love foi lançado por Juan, ganhou da zaga e tocou na saída de Rodolpho para virar o placar.

O Flamengo quase ampliou aos dez minutos, quando Adriano recebeu na área e finalizou, mas Rodolpho fez grande defesa. Com a vantagem no placar, os rubro-negros se acalmaram em campo e passaram a dominar inteiramente a partida.

continua após publicidade

Após a parada técnica, os rubro-negros seguiram melhores e tiveram outra ótima chance aos 21min. Vagner Love recebeu na área, driblou o zagueiro, mas chutou muito mal. No minuto seguinte, o atacante perdeu outro gol quando Léo Moura fez grande jogada e deu a assistência ao camisa 9. Ele chutou forte, mas a bola bateu no travessão de Rodolpho.

Em um dos raros ataques do Tigres, o goleiro Bruno impediu o empate. Edinho cruzou e Daniel Silva cabeceou com estilo, mas parou na muralha rubro-negra. No entanto, novamente a resposta do Flamengo veio com gol. Aos 36min, Vinícius Pacheco recebeu lançamento longo e rolou para Adriano tocar e fazer seu segundo na partida.

Nos minutos finais, o Flamengo ainda buscou marcar mais um, mas parou nas finalizações ruins. Já o Tigres também batalhou pelo seu segundo em lances isolados, mas não assustou Bruno.