Esportes

Kobayashi confirma que está fora da Fórmula 1 em 2013

Da Redação ·
O japonês Kamui Kobayashi desistiu oficialmente de tentar uma vaga entre as equipes que disputarão a Fórmula 1 em 2013 e está fora da categoria. Nesta segunda-feira ele admitiu que a falta de tempo para conseguir um patrocinador foi fundamental para que ficasse de fora. O piloto ainda fez questão de agradecer seus fãs, que chegaram a doar dinheiro para que ele conseguisse uma escuderia para o ano que vem. "A todos meus fãs, obrigado pelo grande apoio. Estou muito feliz que muitos tenham doado ou tentado doar", apontou, em comunicado em seu site oficial. "Infelizmente, o tempo foi muito curto e eu não consegui uma vaga em equipes competitivas para 2013. Tenho que admitir que sinto muito pelos fãs e pelas companhias japonesas que me apoiaram. Mas estou confiante que acontecerá em 2014." Kobayashi teria desistido depois que a Lotus anunciou a renovação de contrato de Romain Grosjean, também nesta segunda. Com isso, sobraram apenas quatro vagas, em equipes que podem não ser consideradas "competitivas". A Caterham tem somente Charles Pic confirmado até o momento, enquanto a Marussia conta só com Timo Glock. Já a Force India ainda não anunciou nenhum de seus dois nomes para 2013. Considerado um dos pilotos mais talentosos da Fórmula 1 na atualidade, Kobayashi correu pela Sauber em 2012, mas perdeu seu lugar para o mexicano Esteban Gutierrez. Esta foi a terceira temporada completa do japonês na categoria, todas pela mesma equipe. Em 2009 ele participou de três provas pela Toyota. O piloto anunciou que colocará fim às doações, mas que guardará o dinheiro para tentar voltar à Fórmula 1 em 2014. Ele admitiu que analisará outras opções na carreira, mas garantiu que não tem interesse de correr em nenhuma outra categoria. "Gostaria de parar as doações por agora e enquanto guardo todo o dinheiro para 2014, vou começar a procurar a melhor opção para 2013 e também 2014. Minha principal prioridade é conseguir um lugar competitivo na Fórmula 1 em 2014. Não tenho interesse em correr em qualquer outra categoria", afirmou.
continua após publicidade