Esportes

ATP critica realização da final do US Open na segunda

Da Redação ·
A Associação dos Tenistas Profissionais (ATP) criticou nesta segunda-feira a decisão dos organizadores do US Open de marcarem a final masculina da próxima edição do Grand Slam norte-americano para uma segunda-feira. A modificação no calendário de um dos quatro mais importantes do tênis foi anunciada na última sexta-feira. Além de mudar a data da decisão masculina, a Associação de Tênis dos Estados Unidos (Usta, na sigla em inglês) também marcou a final feminina para o domingo. "A ATP e seus jogadores querem deixar claro para o US Open que não apoiam a final na segunda-feira", afirma a ATP em um comunicado oficial. A entidade defende que o US Open tenha um calendário semelhante ao dos outros três torneios do Grand Slam. "Acreditamos fortemente que o US Open deve manter um calendário semelhante ao dos outros Grand Slams, com as semifinais na sexta-feira e a final masculina no domingo". A ATP avisou que vai reforçar a sua insatisfação em reuniões com a Usta. "É lamentável que esta resposta não reflita o nosso ponto de vista sobre esta questão e a ATP e seus jogadores vão continuar tratando deste tema em reuniões com a Usta". Nos últimos cinco anos, a chuva em Nova York forçou o adiamento da final masculina, que deveria ser disputada no domingo, para a segunda.
continua após publicidade