Esportes

FIVB promete ajudar a desenvolver o vôlei na África

Da Redação ·
Presidente da Federação Internacional de Voleibol (FIVB), Ary Graça garantiu que a entidade vai realizar investimentos para desenvolver o esporte na África. A promessa foi feita durante uma visita de quatro dias à Argélia, onde o brasileiro se encontrou com dirigentes da federação local e também da Nigéria e do Marrocos. De acordo com Graça, a FIVB possui um plano para popularizar a desenvolver o vôlei na África, especialmente na região norte do continente. O dirigente explicou que a federação vai organizar treinamentos para técnicos e árbitros, além de prometer desenvolver outras ações para aumentar o nível do esporte nos países africanos. "Um plano de desenvolvimento financiado pela Federação Internacional de Voleibol para a prática do esporte em países norte-africanos, especialmente na Argélia, será implementado em breve, com materiais específicos, tais como redes e bolas fornecidas para as federações", anunciou Graça. O Egito, no masculino, e o Quênia, no feminino, são os atuais vencedores do Campeonato Africano de Vôlei, mas as seleções do continente têm dificuldades de serem competitivas em torneios de nível mundial. Graça foi eleito para a presidência da FIVB em setembro e cumprirá seu primeiro mandato até 2016.
continua após publicidade