Esportes

Mercado financeiro está dividido sobre título do Mundial

Da Redação ·
O mercado financeiro está dividido sobre quem será o campeão do Mundial de Clubes da Fifa), que está sendo realizado no Japão. Diante das atenções que o evento tem despertado, o AE Projeções, a exemplo da pesquisa feita sobre a Copa Libertadores, consultou as instituições sobre o tema, a fim de apurar a pontaria dos economistas. Dos 20 profissionais que responderam ao serviço especializado da Agência Estado, oito (40%) preveem que o Corinthians será o campeão, outros sete (35%) disseram que o inglês Chelsea vencerá o torneio, quatro (20%) apostam que o mexicano Monterrey ficará com o título e apenas um (5%) colocou suas fichas sobre o Al Ahly, do Egito. Nesta semana, o torneio entra na fase semifinal. Na quarta-feira, o Corinthians enfrenta o Al Ahly, que no último domingo eliminou o time japonês Sanfrecce Hiroshima por 2 a 1. Na quinta, o Chelsea joga contra o Monterrey, que venceu por 3 a 1 a equipe sul-coreana do Ulsan Hyundai. Os vencedores desta fase disputam a grande final no domingo. O Corinthians joga por seu segundo título mundial, após ter sido campeão em 2000 ao derrotar o Vasco por 4 a 3, em cobrança de pênaltis, após empate por 0 a 0 no tempo regulamentar e na prorrogação. Já todas as outras equipes vão em busca da conquista inédita. Eduardo Velho, economista-chefe da Planner Investimentos, é um dos que apostam no time inglês como o campeão. "Acho que na hora H vai dar Chelsea. É a minha aposta. Sou Flamengo e brasileiro, mas para apostar... apostarei na surpresa de uma boa exibição do Chelsea", disse, em entrevista pelo AE Chat.
continua após publicidade