Esportes

Presidente é reeleita na Confederação de Ginástica

Da Redação ·
Luciene Resende foi reeleita presidente da Confederação Brasileira de Ginástica e ficará mais um ciclo de quatro anos - entre janeiro de 2013 e dezembro de 2016 - no comando da entidade. A sergipana terminou a votação realizada no último sábado com 16 votos contra seis do outro candidato, Marco Antônio Martins. A presidente assumiu o comando da entidade pela primeira vez em 2009 e em seu ciclo aconteceu o maior feito da modalidade até hoje. Na Olimpíada de Londres, nesse ano, Arthur Zanetti faturou a primeira medalha de ouro olímpica da ginástica brasileira na história, nas argolas. Na eleição de sábado, os presidentes de todas as federações estaduais ativas tiveram direito a voto secreto. Além de Luciene, a chapa vencedora, chamada Avançando nas Conquistas, tem Castro Martins como vice. "Quero agradecer a confiança dos presidentes das federações que me reelegeram. Quero continuar administrando de forma democrática como foi neste último ciclo, dando oportunidade a todas as modalidades da ginástica. Seguir com o trabalho de renovação e trabalhar ainda mais para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016, que será um marco para o esporte brasileiro", disse a presidente.
continua após publicidade