Esportes

Azarenka ganha torcida e Serena se diverte com biquínis

Da Redação ·
O retrospecto de Victoria Azarenka diante de Serena Williams é totalmente desfavorável - teve apenas uma vitória e onze derrotas contra a adversária em partidas oficiais -, mas neste sábado ela conseguiu se impor e ganhou por 2 sets a 0, pelo Gillette Federer Tour. Feliz da vida, a bielo-russa quebrou o script e, após a vitória, contornou a quadra, subiu vários degraus da arquibancada e entregou uma bola autografada para uma criança. "Se eu fosse uma criança, eu gostaria que isso acontecesse comigo. Quis dividir um pouco isso com essa criança que ficou muito feliz e me deixou feliz também. Foi um presente especial", comentou a número 1 do mundo. A partida foi marcada por muitos erros de ambos os lados, mas Serena abusou deles. Só que além da disputa, o duelo contou com momentos de grande descontração, quando Azarenka tentou em algumas ocasiões fazer embaixadinhas com a bola de tênis. Do seu lado, Serena mostrou que tem talento também quando dança e a todo momento pedia apoio da torcida que lotou o Ginásio do Ibirapuera. "A torcida foi muito legal, me diverti, sempre tive o sonho de vir ao Brasil desde que tinha 12 anos. Fiquei surpresa de não ter sentido tanto o calor e acho que para nós foi bom, tentamos dar nosso melhor para os brasileiros", contou Serena. A norte-americana garantiu que tentou vencer, mas quando viu que não tinha como, evitou mostrar seus segredos. Azarenka, contudo, questionou a "estratégia" da rival. "Não dá para ter um segredo, a menos que a Serena invente alguma coisa nova. A gente se conhece super bem, acho que numa competição vence quem está melhor e trabalhou mais", disse a bielo-russa.

A líder do ranking, contudo, deixou claro que, apesar da rivalidade, se divertiu bastante em quadra. "Claro que também nos divertimos, mas somos competidoras e sempre queremos vencer. Consegui sentir uma energia boa, mas sinto que estou ainda um pouco enferrujada". Apesar da derrota, Serena deixa o Brasil realizada por ter encontrado os famosos biquínis que são vendidos no País. "Fui a diversas lojas e muita coisa não servia em mim, por motivos óbvios. Foi difícil achar, mas depois eu comecei a encontrar e comprei para mim, para minha irmã, e outros tantos para mim. Estou muito animada para usar e acho que vai ficar muito bonito no meu corpo", declarou.

continua após publicidade