Esportes

Song e Drogba concorrem a prêmio de melhor africano

Da Redação ·
Didier Drogba é um dos melhores jogadores do mundo há alguns anos, mas nunca foi eleito o melhor africano de qualquer temporada. A distorção poderá ser corrigida em 20 de dezembro, quando a Confederação Africana de Futebol (CAF) anunciar o ganhador da sua premiação anual. O marfinense é um dos 10 finalistas divulgados nesta segunda-feira. Estrela do Chelsea na conquista da Liga dos Campeões a atualmente jogando pelo Shanghai Shenhua, da China, Drogba é favorito ao prêmio de melhor de 2012. Um dos seus principais adversários é o seu compatriota Yaya Toure, do Manchester City, vencedor da premiação na temporada passada. A lista de 10 finalistas é determinada pelos comitês técnico, de futebol e de mídia da CAF. Depois, os técnicos e os diretores técnicos de cada uma das confederações filiadas à CAF dão seus votos, baseados nesta lista, que só contém atletas que atuam fora do continente africano. Outra relação, com cinco atletas, decide o vencedor do prêmio de melhor jogador atuando na África. Tradicionalmente os jogadores africanos têm maior espaço na Inglaterra e na França e é desses dois países que vêm a maioria dos finalistas. O curioso é que dois deles atuam na China: Drogba e o zambiano Christopher Katongo, destaque do título do seu país na Copa Africana de Nações deste ano. O único que atua na Espanha é Alexander Song, volante camaronês que deixou o Arsenal rumo ao Barcelona nesta temporada. Na França jogam o ganês Andre Ayew (Olympique de Marselha), Pierre-Emerick Aubameyang (Saint-Étienne), de Gabão, e o marroquino Younes Belhanda (Montpellier). Da Inglaterra veem o senegalês Demba Ba (Newcastle), o marfinense Gervinho (Arsenal), o nigeriano John Obi Mikel (Chelsea), e Yaya Toure, do Manchester City.
continua após publicidade