Esportes

Marcelo Oliveira agenda reunião e pode deixar o Vasco

Da Redação ·
Pouco mais de 50 dias depois de chegar ao Vasco, Marcelo Oliveira pode deixar o clube. Depois da sexta derrota seguida, domingo, para o Sport, em pleno São Januário, o treinador abriu as portas para sua saída. Ele revelou que terá uma conversa nesta segunda-feira com o presidente Roberto Dinamite e indicou que o papo pode selar sua saída da equipe a quatro rodadas do fim do Brasileirão. "Passa pela minha cabeça conversar com o presidente amanhã, trocar ideia sobre todos os nossos problemas, que são muitos", comentou o treinador, falando em "redirecionar do trabalho" no Vasco. Desde que Oliveira chegou à Colina, o Vasco soma aproveitamento de apenas 26% dos pontos disputados e não apenas deixou a briga pelo título como também já vê como impossível ir à Libertadores. E isso tudo sem contar os problemas extra-campo, como os salários atrasados, as críticas da torcida a Dinamite e o projeto polêmico para São Januário. "A minha ideia é conversar sobre todos os problemas que temos e viabilizar essa sequência, fazer o que for para mudar essa situação. O Vasco necessita de uma transformação, não pode ser tão passivo", comentou o treinador, falando do time, mas num discurso que poderia servir para o clube. Marcelo Oliveira reclamou da postura da sua equipe, incapaz de reagir. "O gol no futebol acontece, mas o time se abateu. No intervalo a gente tem que fazer uma movimentação nova, havia um abatimento geral. Jogando contra o Sport em casa era possível mudar a situação. Apesar de o time voltar ligado, não foi o suficiente, teve muito erro. Dava a impressão de que o Sport estava jogando o jogo da vida e a gente um jogo normal."
continua após publicidade