Esportes

Ferrer confirma favoritismo e leva título em Valência

Da Redação ·
Para a alegria da torcida local, o tenista espanhol David Ferrer conquistou neste domingo o título do Torneio de Valência, na Espanha. Como cabeça de chave número 1 da competição que distribuiu 1,4 milhão em prêmios, ele confirmou o favoritismo na final e derrotou o ucraniano Alexandr Dolgopolov por 2 sets a 1, com parciais de 6/1, 3/6 e 6/4, em 1 hora e 48 minutos de jogo. Aos 30 anos, Ferrer vem fazendo a melhor temporada da sua carreira. Neste domingo, ele somou o sexto título no ano, um recorde em sua trajetória como profissional - antes, ganhou também em Bastad, Hertogenbosch, Acapulco, Buenos Aires e Auckland. Além disso, aparece atualmente em quinto lugar no ranking mundial. Diante de Dolgopolov, que ocupa o 21º lugar no ranking e contra quem somava quatro vitórias em cinco jogos disputados na carreira, Ferrer teve que superar também o cansaço. No dia anterior, ele precisou jogar um total de 3 horas e 53 minutos, ao vencer a semifinal da chave de simples e perder a semifinal das duplas. Mas, contando com o apoio da torcida espanhola, Ferrer teve forças para confirmar o favoritismo diante de Dolgopolov. E, assim, somou o seu terceiro título na história do Torneio de Valência, repetindo os feitos de 2008 e 2010 - chegou outra vez à final por lá, mas perdeu a decisão de 2005 para o russo Igor Andreev.
continua após publicidade