Esportes

Luxemburgo critica Leandro e lamenta chances perdidas

Da Redação ·
Vanderlei Luxemburgo se mostrou indignado com as chances desperdiçadas pelo Grêmio no empate por 1 a 1 com o Bahia, na noite de sábado, em Salvador. O treinador chegou a se irritar com a sequência de lances perdidos pelo jovem atacante Leandro, que substituiu Marcelo Moreno no segundo tempo. "Nós tivemos condições de matar o jogo. E tem que matar. Em um jogo duro, com o Bahia naquela zona desconfortável, perto do rebaixamento, nós conseguimos armar uma boa estratégia e chegar três vezes cara a cara com o goleiro. Tem que matar. Deixamos de matar e quase morremos, porque o Bahia, no contra-ataque, quase machucou a gente", comentou. As três boas chances de gol, todas na segunda etapa, foram protagonizadas por Leandro. "É um menino, mas tem de ser cobrado e precisa ser trabalhado. Prefere uma jogada bonita do que a eficiência. Em duas jogadas, ele preferiu o drible do que concluir a jogada. Pior de tudo foi um outro lance em que tirou o pé. Fiquei puto. Errar, tecnicamente, tudo bem, faz parte, mas puxar o freio de mão, daí fica complicado", criticou. Apesar da reclamação, o treinador evitou lamentar o empate porque o Grêmio ainda está em situação folgada dentro do G4. "O empate foi ruim pelas chances perdidas, mas não na tabela. Temos de ver o que acontece com o Atlético-MG, mas avançamos mais um pouco. Estamos no caminho certo para a vaga da Libertadores. Temos nove pontos de vantagem ao Inter, o quinto. Então, estamos bem encaminhados".
continua após publicidade