Esportes

De olho no G4, cariocas recebem goianos no Engenhão

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 26 de outubro (Folhapress) - O Botafogo recebe o Atlético-GO amanhã, às 18h30, no Engenhão, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com 47 pontos, a oito do G4, o time carioca sabe que apenas uma vitória o mantém na luta pela classificação à Taça Libertadores. "Sempre quando entramos em campo, entramos com o pensamento de vencer. Estamos crescendo no momento certo. Temos que pensar jogo a jogo, não adianta pensar nos concorrentes. Sabemos que chegar na Libertadores é muito difícil. Mas o mais importante é sempre o próximo jogo', disse o meia Andrezinho. Após a vitória de anteontem sobre o Figueirense, o técnico Oswaldo de Oliveira optou por poupar os jogadores, deixando de lado os treinos com bola. Elkeson, livre das dores musculares que o tiraram do duelo contra os catarinenses, deve ficar no banco de reservas. Márcio Azevedo volta após cumprir suspensão automática. O zagueiro Fábio Ferreira, recuperado de uma lesão no tornozelo direito, também está à disposição do treinador. Com chances remotas de permanecer na Série A, jogadores do Atlético-GO garantem que seguirão motivados até o final. "Somos profissionais e temos que representar nossa equipe da melhor forma possível', declarou o volante Pituca. Além da iminente queda para a segunda divisão, a equipe goiana sofreu uma grande derrota hoje no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva). O volante Bida foi suspenso por dois anos devido ao uso do diurético hydrochlorothiazide. Ele foi julgado após ser pego no exame antidoping na partida contra o Flamengo, realizada em 1º de julho. Ainda cabe recurso à decisão. BOTAFOGO Jefferson; Lucas, Antônio Carlos, Dória e Márcio Azevedo; Gabriel, Jadson, Andrezinho, Fellype Gabriel (Elkeson) e Seedorf; Bruno Mendes. Técnico: Oswaldo de Oliveira ATLÉTICO-GO Márcio; Rafael Cruz, Diego Giaretta, Gustavo e Eron; Pituca, Dodó, Ernandes e Joílson; Ricardo Bueno e Felipe. Técnico: Artur Neto Estádio: Engenhão, no Rio Horário: 18h30 Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira  

continua após publicidade