Esportes

Wesley diz que fica mesmo na Série B

Da Redação ·





Por Rafael Reis

SÃO PAULO, SP, 26 de outubro (Folhapress) - Prestes a voltar a ser titular do Palmeiras depois de ficar mais de seis meses afastado do futebol, o meia Wesley afirmou hoje que continuará no clube em 2013 mesmo que ele seja rebaixado para a Série B do Brasileiro.

O jogador, que deve começar como titular contra o Inter, neste sábado, disputou só quatro partidas pelo time antes de precisar passar por uma cirurgia no joelho direito.

O meia só voltou a jogar no segundo tempo da vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro, sábado passado. "Cheguei aqui com o time na primeira divisão e acho uma baita de uma injustiça sair enquanto a volta não acontecer", falou o ex-atleta do Santos.

Wesley foi o reforço mais caro do Palmeiras em 2012. O clube teve de pagar 6 milhões de euros (R$ 15,7 milhões, na cotação atual) ao Werder Bremen depois de uma vaquinha com torcedores na internet não arrecadar o valor necessário para a contratação.

Barcos

Após pedir para enfrentar o Millonarios, na terça-feira, pela Sul-Americana, o atacante Hernán Barcos foi poupado do último treino do Palmeiras para a partida contra o Internacional em Porto Alegre.

Já o zagueiro Thiago Heleno, com dores no quadril, dificilmente viajará para Porto Alegre.

O provável Palmeiras para o confronto com o Inter tem Bruno; Artur, Maurício Ramos, Henrique e Leandro; João Denoni, Marcos Assunção, Wesley e Patrick Vieira; Luan e Barcos.

A equipe paulista é a antepenúltima colocada do Brasileiro e está quatro pontos atrás do Bahia, o primeiro time livre da zona de rebaixamento.
 

continua após publicidade