Esportes

Após cirurgia, americano perde provas finais da MotoGP

Da Redação ·
Após ser submetido a uma cirurgia, na terça-feira, o piloto Ben Spies perderá a restante da temporada da MotoGP. O norte-americano perderá as etapas da Austrália, neste fim de semana, e de Valência, além dos testes da Ducati, sua nova equipe em 2013, no final deste ano. Ao todo, Spies ficará afastado das pistas por até 12 semanas após ter o ombro direito operado, em razão de um acidente sofrido no dia 20, durante a etapa da Malásia. Na operação, bem-sucedida, a equipe médica precisou reconstruir alguns dos ligamentos do ombro atingido. Segundo os especialistas, Spies deverá se recuperar totalmente. Contudo, não terá condições de defender a Yamaha neste fim de semana. Na Austrália, a equipe já avisou que não colocará o piloto reserva no lugar de Spies. Assim, Jorge Lorenzo, líder do campeonato, será o único representante da Yamaha na pista. A equipe ainda não se manifestou sobre a etapa de Valência, no dia 11 de novembro. Em uma temporada irregular, marcada por diversos acidentes e quedas, Spies faz uma de suas campanhas mais fracas na categoria. Ocupa apenas o 10º lugar, com 88 pontos. Seu companheiro de equipe encabeça a tabela, com 330. Em 2013, o americano vai defender a Ducati.
continua após publicidade