Esportes

Esporte-Notas 2

Da Redação ·

Fábio Koff vence eleição e volta a presidir o Grêmio após 16 anos





SÃO PAULO, SP, 21 de outubro (Folhapress) - A maior eleição presidencial já realizada pelo Grêmio teve como vencedor hoje Fábio Koff, que retorna ao comando do clube depois de 16 anos. Ele recebeu mais de 2 mil votos a mais do que Paulo Odone, que tentou se reeleger.

Eleito para presidir o Grêmio nos dois próximos anos, Koff será o primeiro mandatário da era com o novo estádio, que deve ser inaugurado em 8 de dezembro, diante do Hamburgo. Recebeu 7.696 apoios, ou 57,5%. Outros 4.951, ou 36,25%, votaram em Odone. E 843, ou 6,25%, optaram por Homero Bellini Jr. Ainda houve 45 votos nulos e 11 brancos.

A votação no pátio do Estádio Olímpico ocorreu das 10h às 17h deste domingo. Quase 13.547 gremistas participaram. Foram 5.556 votos pelo correio. No Olímpico, estiveram 7.935 torcedores.



Sampaio Corrêa vence Crac e é primeiro campeão das 3 divisões

SÃO PAULO, SP, 21 de outubro (Folhapress) - Diante de 40 mil torcedores no estádio Castelão, o maranhense Sampaio Corrêa derrotou o goiano Crac por 2 a 0, na final da Série D, neste domingo, e, invicto, tornou-se o único clube a conquistar três divisões do Campeonato Brasileiro.

No jogo de ida, na cidade de Catalão, houve empate por 1 a 1. Além dos finalistas, o paulista Mogi Mirim e o potiguar Baraúnas também subiram à terceira divisão de 2013.

O Sampaio Corrêa mais uma vez conquistou a última divisão, já que, nos títulos da Série B de 1972 e da C de 1997, sempre em São Luís, não havia nenhum escalão abaixo.

Em 2009, o paraense São Raimundo faturou a edição inaugural da Série C. Em 2010, foi a vez do cearense Guarany, de Sobral. No ano passado, o mineiro Tupi, de Juiz de Fora, comemorou.



Secretário-geral da Fifa recebe alta e elogia instalações médicas do Brasil

SÃO PAULO, SP, 21 de outubro (Folhapress) - O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, recebeu alto no fim da tarde de hoje após quatro dias internado no hospital Samaritano, no Botafogo, na zona Sul do Rio de Janeiro. A informação foi dada pela Fifa.

No comunicado, a Fifa informa que o doutor João Mansur Filho, médico responsável pelo atendimento de Valcke, disse que o paciente respondeu "bem ao tratamento antibiótico intravenoso ministrado e apresentou uma melhora tão boa em seu quadro clínico que foi liberado para retornar à Suíça".

"O resultado da minha avaliação sobre as instalações médicas aqui no Brasil é excelente. Estou certo de que quando o momento da Copa das Confederações e da Copa do Mundo chegar, todos estarão em boas mãos", disse Valcke em comunicado.
 

continua após publicidade