Esportes

Dorival Júnior festeja vitória que dará paz ao Flamengo

Da Redação ·
Serão 10 dias sem jogos. Graças à vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo, serão 10 dias de paz para o técnico Dorival Júnior arrumar a equipe e trabalhar com tranquilidade em cima de uma vitória sobre o Atlético Mineiro, no próximo dia 31, em Belo Horizonte. Aliviado após quebrar uma sequência de cinco jogos sem vencer, o treinador rubro-negro se mostrava ciente de que a atuação de sua equipe não permite muitas comemorações e esquecer por completo a zona de rebaixamento. "A importância do resultado é grande, fundamental em razão das últimas rodadas sem pontuar integralmente, mas estamos aquém ainda", admitiu Dorival Júnior. "Mas a tendência é que haja uma tranquilidade maior (para o período de 10 dias sem jogar)". A diferença para a zona de rebaixamento ainda é de três rodadas de diferença, com seis partidas por terminar o Campeonato Brasileiro, mas a irregularidade do Flamengo ainda deixa o técnico ressabiado. Não à toa. O próximo compromisso é uma visita ao Independência para enfrentar o Atlético Mineiro, mais animado do que nunca depois de derrotar o líder Fluminense e ainda a sonhar com o título. "Teremos outra pedreira pela frente. Continuo pensando que só vamos falar em 2013 depois que o campeonato acabar. No futebol, o céu e o inferno só tem um palmo de distância", alertou Dorival Júnior, destacando a reação de Sport e Palmeiras, que venceram novamente e aumentaram a pontuação de corte para garantir a permanência na Série A. "Quem está embaixo começa a pontuar quando ninguém espera. A próxima rodada é muito arriscada". Com o longo período de "folga", Dorival Júnior poderá recuperar jogadores lesionados, como Leonardo Moura, e estudar mudanças no time. Liedson teve mais uma atuação pífia e o meio de campo com dois volantes cães de guarda não funcionou mais uma vez. Autor da assistência que resultou no gol de González, o garoto Adryan continua a aumentar o coro da torcida, que o pede no time titular. "O Adryan está melhorando, evoluindo para a partir do ano que vem brigar por uma vaga no time", disse o técnico, sem querer criar expectativas sobre a promessa rubro-negra. A atuação contra o São Paulo, porém, não camuflou as deficiências do time, que continuam evidentes. Mas na atual situação, Dorival Júnior comemora as vitórias seja como vierem. Ao conquistar sobre os são-paulinos o mesmo número de pontos obtidos nas últimas cinco rodadas, o técnico tem consciência que ainda tem muito trabalho pela frente. "Vou dormir hoje (domingo) tão tenso quanto antes", disparou.
continua após publicidade