Esportes

Revista publica Neymar crucificado e defende jogador

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Revista publica Neymar crucificado e defende jogador
fonte:
Revista publica Neymar crucificado e defende jogador

A revista Placar, na edição de outubro, terá o atacante santista Neymar na capa crucificado e apontado como 'bode expiatório em um esporte onde todos jogam sujo'. De acordo com o diretor da revista, Maurício Barros, a reportagem levanta a discussão sobre as críticas feitas ao jogador.

"Essa reportagem procura levantar uma discussão sobre um certo linchamento público desse jogador que ganhou essa fama de cai-cai. O Neymar acabou transformado num exemplo de falta de ética no futebol. O futebol profissional é um jogo em que agente pode enxergar inúmeras trapaças dos jogadores, um jogador querendo enganar o outro, os próprios técnicos instruindo os jogadores a enganar o juiz. Só que uma delas carregada com tintas muito fortes e pegaram o Neymar como um grande vilão dessa história", argumentou.

Em relação a polêmica capa, Barros admite correr o risco da possibilidade de comparações do jogador a Jesus Cristo. "Acho que pode haver a comparação porque Jesus Cristo foi o crucificado mais famoso, mas a nossa analogia é com a execução, como a crucificação como elemento histórico de execução pública", argumentou.


As informações são do Bonde

continua após publicidade