Esportes

Santos recusa nova proposta por Ganso

Da Redação ·





Por Bernardo Itri e Milton Pazzi Jr.

SÃO PAULO, SP, 17 de setembro (Folhapress) - O Santos anunciou hoje que recusou a nova proposta do São Paulo para contratar o meia-atacante Paulo Henrique Ganso. Os valores enviados e a forma de pagamento dos R$ 23,8 milhões por 45% da multa contratual do jogador não foram os esperados pelo time santista para fechar o negócio.

O Santos quer o valor à vista, até sexta, enquanto o São Paulo ofereceu metade agora e o resto a partir de janeiro.

"O Santos FC informa que recebeu, na manhã desta segunda-feira, nova proposta do São Paulo pelo atleta Paulo Henrique Ganso. Como o documento não atendeu os interesses do Clube, a proposta foi novamente recusada pelo Comitê de Gestão", disse o Santos em nota publicada no site do clube.

O vice-presidente de futebol do clube, Odílio Rodrigues, confirmou também que a proposta foi recusada. "Recebemos de manhã e recusamos por entender que o conjunto da oferta não chegou a isso, não nos interessa. Essa proposta a gente recusou, a gente senta para discutir quando chega e esta não nos interessa. A gente vai ser bastante ético, não quer entrar em detalhes por respeito ao co-irmão", disse o vice-presidente Odilio Rodrigues, em entrevista à rádio Globo.

"Toda proposta que chega temos de ver primeiro os interesses do Santos, depois do atleta", explicou o dirigente. Ele confirmou ainda que o Grêmio, outro time interessado, não fez nenhuma proposta até o momento. "Não recebemos proposta formal do Grêmio", contou.

Assim, Paulo Henrique Ganso, que tem contrato com o time alvinegro até 2015, segue treinando e trabalhando na Vila Belmiro, em recuperação da contusão muscular, com previsão de volta aos gramados em um mês. O São Paulo ainda não se pronunciou sobre a recusa.

Anteontem, o São Paulo em parceria com a DIS, empresa que controla a carreira do meia, conseguiu chegar a quantia de R$ 23,8 milhões para oferecer ao Santos. Na composição, os investidores, que já detinham 55% dos direitos do meia, aumentarão sua participação sobre o jogador, enquanto o São Paulo ficará com um percentual menor.

O Santos já recusou duas propostas do São Paulo pelo jogador. Na primeira, o clube do Morumbi ofereceu R$ 12,5 milhões para a DIS e R$ 10,7 milhões para o Santos, dono de 45% dos direitos econômicos.

A outra oferta, ainda segundo a DIS, seria de cerca de R$ 30 milhões por 100% dos direitos do atleta.
 

continua após publicidade