Esportes

Com interino, Vasco tenta reabilitação contra Palmeiras

Da Redação ·
Na primeira partida após o pedido de demissão do técnico Cristóvão Borges, o Vasco precisa da vitória sobre o Palmeiras, nesta quarta-feira, às 22 horas, no estádio de São Januário, para permanecer no G4. Depois de quebrar o recorde de rodadas no grupo dos quatro primeiros (48, desde o Brasileirão do ano passado), o clube agora é seguido de perto por Botafogo e São Paulo. Ainda sem técnico, com o auxiliar Gaúcho como interino, os jogadores vascaínos querem se recuperar da vexatória derrota para o Bahia, em casa, por 4 a 0. O primeiro Vasco pós-Cristóvão Borges (que ficou pouco mais de um ano como treinador da equipe) terá o retorno do zagueiro Dedé, que estava com a seleção. Já o meia Felipe, protagonista de uma cena polêmica no fim de semana - vetado para o jogo contra o Bahia, foi fotografado jogando futevôlei, na praia, no dia da goleada - voltou a ser relacionado, mas deve ficar no banco. O experiente jogador será multado pelo futevôlei com porcentagem - não revelada pelo clube - do salário. Além de Felipe, o interino Gaúcho vai contar também com o retorno do volante Wendel, outro dos muitos desfalques contra o Bahia. Este, no entanto, será titular. Outro que retorna à equipe e começa jogando o duelo contra o Palmeiras é o lateral-esquerdo William Matheus, que, assim como Wendel, cumpriu suspensão na última rodada. Eder Luis, que foi mal no jogo contra os baianos, deve perder a vaga para o equatoriano Tenório. Fora de campo, a diretoria pode se reunir nesta quarta com o futuro técnico: Marcelo Oliveira, que comandou o Coritiba nos últimos dois anos. O treinador estaria disposto a aceitar o convite do Vasco, mas ainda precisa finalizar a rescisão do contrato com o clube paranaense. Marcelo Oliveira, que foi vice-campeão da Copa do Brasil em 2011 (contra o Vasco) e 2012, foi demitido após a derrota para a Portuguesa, na semana passada, por 3 a 0. O clube carioca quer anunciar o novo técnico antes do jogo contra o Cruzeiro, no domingo, em Varginha (MG).
continua após publicidade