Esportes

Fifa registra tatu-bola como mascote da Copa de 2014

Da Redação ·
A Fifa registrou nesta terça-feira, no site de patentes europeias (OHIM), o desenho do tatu-bola, em um indício claro de que o animal será anunciado em breve como o mascote da Copa do Mundo de 2014, que será realizada no Brasil. O mesmo tipo de procedimento foi adotado para a escolha do logo e do slogan do Mundial. No desenho que pode ser visto no registro da marca, porém, não é possível ver as cores do tatu-bola, que ainda não tem nome. A definição do mesmo será feita por meio de uma votação na internet, realizada nos mesmos moldes da que definiu Brazuca como o nome da bola do próximo Mundial. A data da votação, porém, ainda não foi divulgada pela Fifa. O tatu-bola acabou sendo escolhido como mascote da Copa de 2014 depois de ser sugerido pela ONG Associação Caatinga, que apresentou o projeto ao Ministério do Esporte e ao Comitê Organizador Local (COL) do Mundial, em fevereiro passado. De acordo com a ONG, o "Tolypeutes tricinctus" é a espécie de tatu mais ameaçada de extinção no Brasil. Ainda a ser oficialmente confirmado pela Fifa, o tatu-bola será o 13.º mascote da história das Copas, sendo que outros quatro animais já foram escolhidos: os leões Willie e Goleo nos respectivos Mundiais de 1996 e 2006, o cachorro Striker em 1994, o galo Footix em 1998 e o leopardo Zakumi em 2010.
continua após publicidade