Esportes

Botafogo encara o Náutico para se firmar no Brasileirão

Da Redação ·
O Botafogo quer se firmar no Campeonato Brasileiro; chega dos altos e baixos do primeiro turno. Depois das vitórias sobre Coritiba e Cruzeiro, o time quer, pela primeira vez no Campeonato Brasileiro, vencer três jogos seguidos. Para isso, tem de passar pelo Náutico, neste domingo, às 16 horas, no Engenhão. O resultado é importantíssimo para seguir na briga pela "parte de cima" da tabela de classificação. "Estamos conversando bastante. No primeiro turno oscilamos muito e mesmo assim não nos distanciamos muito do G4. Estamos em busca dessa regularidade. Para conseguir brigar por título, Libertadores, é preciso ter isso", disse o meia Andrezinho, artilheiro da equipe no Brasileirão, com sete gols. Em uma equipe sem um atacante de ofício, natural que o maior marcador seja um atleta do meio de campo. "É diferente (ser artilheiro), mas trato isso com naturalidade. O mais importante é o time vencer", afirmou o atleta. Se na frente o Botafogo vai bem (tem o segundo melhor ataque, ao lado do Atlético Mineiro, com 35 gols), lá atrás a situação também não preocupa, mesmo com o desfalque de Jefferson, que está com a seleção brasileira. Acostumado com as convocações do titular, o suplente Renan jogou bem na vitória sobre o Cruzeiro, em Belo Horizonte, por 3 a 1. Ele tem "aroma de titular", segundo o técnico Oswaldo de Oliveira. "Sei que é difícil ser reserva de um goleiro de seleção, mas procuro manter minha concentração", afirmou Renan. Com ele em campo, o Botafogo não perde desde junho de 2009: 4 a 1 para o Goiás. Desde então, foram nove vitórias e 13 empates. "Procuro não pensar muito nisso porque não entro em campo sozinho. Mas claro que é uma coisa positiva e espero que isso continue por muito tempo", disse. Para o meia Fellype Gabriel, uma vitória neste domingo é importante também para elevar a confiança do time no próximo duelo, contra o Internacional, concorrente direto na briga por uma vaga na Copa Libertadores. "É passo a passo. Temos duas vitórias, ainda não conseguimos três seguidas no Brasileiro. No domingo temos que conseguir. Nos daria uma tranquilidade boa e uma confiança maior", afirmou.
continua após publicidade