Esportes

Martina Hingis é indicada para o Hall da Fama do tênis

Da Redação ·
Dona de cinco títulos de Grand Slam, a suíça Martina Hingis foi indicada para o Hall da Fama do tênis, nesta quinta-feira. O alemão Michael Stich, campeão de Wimbledon em 1991, e a checa Helena Sukova, uma das maiores jogadores de duplas da história, também foram indicados para a condecoração simbólica. Hingis, de 31 anos, foi a mais jovem tenista a alcançar o topo do ranking, em 1997, quando tinha apenas 17 anos. Dona de um retrospecto de 548 vitórias e 133 derrotas em simples, a suíça anunciou a aposentadoria em duas ocasiões, a definitiva em 2007, ao ser suspensa por dois anos por testar positivo para cocaína. A tenista negou que tenha consumido a droga, mas não recorreu da suspensão e abandonou as quadras. Ela já havia deixado o esporte em 2002, mas retornara quatro anos depois. No total, ela acumulou 43 títulos de nível WTA e pouco mais de US$ 20 milhões em premiação. A votação que definirá o eleito da turma de 2013 do Hall da Fama será realizada durante os próximos meses. A cerimônia que anunciará o novo integrante do Hall está marcada para o dia 13 de julho do próximo ano.
continua após publicidade