Esportes

Nilton lamenta e Fellipe Bastos festeja empate do Vasco

Da Redação ·
O volante Nilton e o meia Fellipe Bastos saíram de campo com sentimentos diferentes após o empate por 1 a 1 com o Náutico, na última quarta-feira à noite, no Estádio dos Aflitos, em Recife, pela 22.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Para o primeiro deles, o resultado precisa ser lamentado pelo fato de que reclamou de um pênalti não marcado sobre ele no final do duelo. Já o meio-campista deixou o estádio valorizando o ponto obtido fora de casa e o belo gol que fez para salvar os vascaínos da derrota. "Faltou um pouco de coragem dele (do árbitro gaúcho Leandro Pedro Vuaden) no final. Ele disse que a bola escapou de mim no lance do pênalti, mas se o cara (defensor do Náutico) não tivesse dado um 'rapa' em mim a bola não teria escapado. Saímos com um empate com sabor de derrota, pelo que criamos no segundo tempo", afirmou Nilton, em entrevista ao SporTV. Já Fellipe Bastos comemorou a ótima finalização que acertou de fora da área para empatar o confronto, aos 7 minutos do segundo tempo, e mostrou conformismo com o placar de 1 a 1 ao criticar também o estado do gramado dos Aflitos. "Nosso time estava sofrendo um pouquinho, pois o gramada estava muito pesado, mas acertei um belo chute e graças a Deus pude ajudar a equipe do Vasco. Estamos levando um ponto para casa, e não perdendo dois", analisou. Ao falar sobre o pênalti reclamado pelo seu companheiro de equipe, o meio-campista admitiu certa insatisfação com a arbitragem deste Brasileirão, mas evitou criticar diretamente o juiz do duelo desta quarta-feira. "Se o Nilton falou que foi pênalti, então foi pênalti. Não é chorar não, mas tem sempre uma coisa para marcar para o Vasco que não é marcada", reclamou. Após empatar com o Náutico, o Vasco voltará a campo no próximo domingo, quando receberá o Bahia, às 18h30, em São Januário. No duelo, o time buscará uma vitória para se aproximar dos líderes da competição e também para ficar mais tranquilo na quarta posição da tabela.
continua após publicidade