Esportes

Atleticanos valorizam ponto obtido fora de casa

Da Redação ·
Embora o Atlético-MG corra o risco de perder a liderança do Campeonato Brasileiro para o Fluminense nesta quinta-feira e o time tenha acumulado o quarto jogo seguido sem vitória na competição, os jogadores da equipe comandada por Cuca valorizaram o ponto obtido pela equipe no empate por 0 a 0 com a Bahia, na noite da última quarta-feira, no Estádio de Pituaçu, em Salvador. Com o empate, o time chegou aos 45 pontos, um à frente de Grêmio e Fluminense, que nesta quinta encara o Santos, às 21 horas, no Engenhão, no complemento da 22.ª rodada do torneio nacional. "Valeu pela evolução no segundo tempo. Criamos oportunidades e faltou fazer o gol, mas temos que enfatizar o ponto conquistado na casa do adversário e que vai nos ajudar lá na frente", afirmou o goleiro Victor. O Atlético-MG ainda tem como consolo o fato de que precisa ainda disputar um jogo adiado do primeiro turno, contra o Flamengo, no próximo dia 26, no Rio, pela 14.ª rodada do Brasileirão. E o time espera chegar a este confronto em uma situação mais confortável do que a atual. Para isso, a próxima meta da equipe é vencer os dois confrontos seguintes da competição, contra Palmeiras, domingo, e São Paulo, na quarta-feira, ambos em Belo Horizonte. "Jogar aqui (em Salvador) é sempre difícil e, fora de casa, é importante somar pontos. Agora, é fazer o nosso dever de casa nos dois próximos jogos", completou Victor. O zagueiro Leonardo Silva tem a mesma opinião do goleiro. "O nosso time poderia ter saído com a vitória, nosso time jogou muito melhor do que o Bahia, mas pelas circunstâncias foi um bom resultado, agora não depende apenas da gente para manter a liderança, mas estamos bem na competição", analisou.
continua após publicidade