Esportes

CAS ratifica banimento de tenista sérvio por manipulação

Da Redação ·
O tenista sérvio David Savic foi considerado culpado por manipulação de resultados e teve o seu banimento por toda a vida confirmado pelo mais alto tribunal esportivo nesta quinta-feira. A Corte Arbitral do Esporte (CAS, na sigla em inglês) disse que seu painel concluiu que ficou comprovado que Savic "fez convites para outros jogadores de tênis para manipular o resultado" de partidas. Assim, o tribunal decidiu que Savic está "permanentemente inelegível a participar de qualquer evento organizado por qualquer órgão regulador do tênis". O painel da CAS rejeitou o recurso do sérvio contra o banimento por toda a vida imposto no ano passado pela Unidade de Integridade do Tênis (TIU, na sigla em inglês) Savic, que chegou a ser o número 363 do mundo em 2009, negou que tenha manipulado partidas e alegou que ele foi feito de bode expiatório para "se tornar um exemplo drástico para os outros jogadores". Ele foi o segundo tenista a receber uma suspensão vitalícia por manipulação de resultados. O austríaco Daniel Koellerer foi banido em maio de 2011. A CAS, porém, determinou que Savic não deve pagar a multa de US$ 100 mil imposta pela TIU.
continua após publicidade